MULHER

Mulher usa sangue menstrual para fazer tratamento facial: “Pele brilhante”

Publicados

em


source

A coach de relacionamento americana Mary Miranda, de 36 anos, decidiu encarar a menstruação de forma diferente e passou a usar seu sangue em tratamentos faciais, trabalhos artísticos e até para regar as plantas. Isso tudo aconteceu após ela passar por diversos problemas e quase perder o útero. O intuito dela agora é mostrar para as mulheres que é possível ter uma boa relação com o período menstrual. 

Mary Miranda
Reprodução/Twitter

Mary Miranda


A primeira menstruação de Mary aconteceu aos 12 anos e ela passou boa parte da adolescência sofrendo com dolorosos e irregulares períodos menstruais. Segundo divulgado pelo site ‘Mirror’, a coach disse que passou anos se sentindo “envergonhada e enjoada com o sangramento mensal” até descobrir um ritual chamado “Moon Blood”.

Em 2006, a americana foi diagnosticada com um cisto e precisou remover o ovário direito. Depois disso, Mary foi aconselhada a tomar pílula anticoncepcional para evitar que o mesmo acontecesse com o ovário esquerdo, mas após dois anos, em 2008, ela decidiu parar porque não queria hormônios sintéticos no seu corpo.

Com isso, a menstruação de Mary voltou com diversos efeitos colaterais. Ela decidiu ir ao médico para tentar resolver o problema e acabou descobrindo um mioma. A americana passou por uma cirurgia e, com medo de descobrir mais problemas, ela procurou um jeito natural de cuidar do seu sistema reprodutivo.

Leia Também:  Rita Lee diz que largou drogas e sexo na velhice: "Quero coisas que eu não sei"

Nova relação com a menstruação

Mary Miranda
Reprodução/Twitter

Mary Miranda


O “Moon Blood” é um ritual que convida a mulher a valorizar, acolher e honrar a menstruação. Ao saber disso, Mary mudou sua relação com o corpo e passou a fazer todos os meses um tratamento facial usando seu sangue menstrual, que ela deixa por até 30 minutos no rosto, e ainda aproveita o sangue para pintar e regar as plantas.

“Na minha opinião, nossas educação, sociedade, patriarcado e religião influenciaram muito a forma como as mulheres se sentem e agem em torno de seus períodos”, declarou. “A palavra menstruação é uma fonte de vergonha, repulsa e pecado para muitas mulheres, porque é um tópico que não é discutido, é tabu, é visto como algo grosseiro, impuro, nojento e deve ser mantido sob o tapete.”


Mary acredita que as mulheres muitas vezes são condicionadas a pensa que são “loucas, mal-humoradas e descontroladas emocionalmente” só porque estão na TPM. “Eu estava prestes a fazer uma histerectomia há dois anos e nunca mais menstruar. Orei todos os dias e pedi que meu útero e ovário esquerdo fossem salvos. Prometi honrar e adorar meu ventre e menstruação com reverência todos os meses se fossem salvos”, contou a americana que se recuperou.

Leia Também:  Esportes femininos enfrentarão ainda mais dificuldades por causa da pandemia

Mesmo com medo de como as pessoas reagiriam, a coach resolveu expor nas redes sociais tudo o que faz com seu sangue menstrual para incentivar outras mulheres. “O sangue menstrual é curativo, possui propriedades anti-inflamatórias e é rico em nutrientes e minerais como zinco, cobre, magnésio, cálcio, sódio, ferro, nitrogênio, fósforo e potássio. Minha pele sempre fica mais suave, mais nutrida e brilhante. Eu notei que ajudou a melhorar as cicatrizes da minha pele causadas pela acne”, afirma.

Desde que começou a seguir esse ritual holístico, Mary tem períodos menstruais regulares que duram de três a quatro dias. “Eu acredito muito que me reconectar com meu corpo, útero e período menstrual me ajudou a melhorar e curar meus problemas de saúde reprodutiva, e isso me permitiu abraçar ainda mais minha menstruação”, concluiu.

Fonte: IG Mulher

Propaganda

MULHER

Noivos são criticados por convidarem avó com Covid-19 para casamento

Publicados

em


source

Um casal foi criticado nas redes sociais por ter convidado a avó do noivo, que estava com Covid-19, para a cerimônia. No grande dia, ninguém sabia que a idosa estava com a doença, mas, após descobrirem, os amigos dos noivos se revoltaram com a atitude. Lembrando que a recomendação é que as pessoas que testaram positivo para a doença fiquem em isolamento, para evitar o contágio. 

Casal convida avó com Covid-19 para casamento
Reprodução/Facebook

Casal convida avó com Covid-19 para casamento

Segundo o jornal The Sun, os amigos do casal descobriram que a idosa estava com a doença causada pelo novo coronavírus após um post que a noiva fez no Facebook. A mulher escreveu uma publicação contando que a avó de seu marido estava com a doença e pedindo para editar uma foto. 

“Essa é a última foto que eu e meu marido temos com ela. Alguém pode nos ajudar na edição para tirar o espaço que há entre nós? Ela estava com Covid-19 e nós tivemos que manter uma pequena distância, mas eu adoraria que alguém pudesse alterar isso”, escreveu a noiva no post. 

Leia Também:  Unha em gel transparente: tudo o que você precisa saber sobre essa nail art

Ao ver esse post, o restante dos convidados ficou indignado. A publicação foi parar em um grupo do Facebook para falar sobre casamentos e lá as pessoas também se revoltaram com a situação. “Eles deixaram pessoas com Covid-19 irem ao casamento? Quantas outras pessoas eles expuseram?”, escreveu uma usuária da rede social. “Obviamente eles são muito autocentrados e egoístas para se sentirem culpados com isso”, comentou outra. 

Após saber a repercussão negativa do que fez, a noiva se pronunciou e disse que não se arrepende de nada. “Só quero falar algo para as pessoas que acham que alguém com Covid não deve estar em um casamento. Eu estou muito grata porque ela foi, pois foi a última vez que nos pudemos vê-la. Elas estavam longe de todo mundo e não ficaram para a festa. Essa foto foi o único momento em que elas ficaram perto de alguém e foi só porque nós queríamos uma foto delas conosco, o que acabou se tornando muito especial”, ela explicou.

Leia Também:  Esportes femininos enfrentarão ainda mais dificuldades por causa da pandemia
Fonte: IG Mulher

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA