NACIONAL

Aeroporto de Guarulhos abre laboratório para realizar teste de Covid-19

Publicados

em


source
Passageiros enfrentam atrasos no aeroporto de Guarulhos pelo quinto dia seguido
Agência Brasil

Passageiros enfrentam atrasos no aeroporto de Guarulhos pelo quinto dia seguido

Pessoas que desembarcarem em São Paulo, no Aeroporto Internacional de Guarulhos, poderão fazer exame para Covid-19 no laboratório remoto instalado no saguão de embarque do terminal 3. 

A iniciativa, é fruto da parceria entre a GRU Airport , concessionária do aeroporto, e o Laboratório CR Diagnósticos, que será responsável pela coleta, diagnóstico e emissão de resultado, que sai em até 4 horas.

O exame oferecido é o RT-PCR : teste molecular que detecta o vírus através da análise de uma amostra de secreção nasal coletada por meio de um swab. 

“O teste é, atualmente, exigido para entrada em diversos países e, agora, sem que seja necessário sair do Aeroporto, o solicitante terá o resultado emitido em poucas horas”, destaca Gustavo Figueiredo, presidente da GRU Airport.

Leia Também:  Michelle Bolsonaro denuncia supostas calúnias contra ela nas redes sociais

Com funcionamento ininterrupto, o laboratório contará com uma equipe de mais de 40 profissionais. Quem tiver interesse pode se dirigir ao local – em qualquer hora – com documento de identificação (RG, CNH ou passaporte) e solicitar o exame por R$ 350. 

Em até 4 horas o cliente receberá um alerta por SMS, podendo visualizar o resultado pelo próprio celular ou receber a versão impressa do laudo, em dois idiomas, português e inglês.

Propaganda

NACIONAL

Propaganda eleitoral começa hoje; veja o que candidatos podem e não podem fazer

Publicados

em


source
Urna
Agência Brasil

Propagandas no rádio e na televisão começam apenas em outubro.

Neste domingo (27), um dia após o término do prazo para o registro de candidaturas para as eleições municipais de 2020, começa a propaganda eleitoral em todo o Brasil. A partir de hoje, os candidatos poderão divulgar suas candidaturas e chapas para tentar conquistar votos no pleito, cujo primeiro turno está marcado para o dia 15 de novembro .

Entretanto, a Justiça Eleitoral estabeleceu regras que os candidatos a prefeitos e vereadores deverão cumprir na hora de fazerem suas propagandas. Confira abaixo o que eles podem fazer a partir de hoje:

Presencial

No campo presencial, os candidatos poderão distribuir santinhos e adesivos até as 22h do dia 14 de novembro, véspera da eleição . Os adesivos poderão ser colocados em bens privados – como carros e imóveis – desde que sigam o as regras de não ter mais que 0,5m² e conter CNPJ ou CPF do responsável por confeccionar o adesivo. O nome do contratante também deve estar visível.

Leia Também:  Michelle Bolsonaro denuncia supostas calúnias contra ela nas redes sociais

Os candidatos poderão montar mesas para distribuir materiais de campanha ao longo das vias públicas, com a condição de não obstruírem o trânsito de pessoas ou veículos. Também está permitida a realização de comícios , desde que tenha uma autorização prévia da polícia local.   Anúncios na imprensa estão liberados desde que respeitam o tamanho máximo por edição.

Alto-falantes e amplificadores de som poderão ser utilizados dentro da legislação local e o uso de carros de som só será permitido em carreatas ou comícios – estando dentro do limite de 80 decibéis e respeitando as normas de cada localidade.

Online

A Justiça Eleitoral também estabelece regras para a campanha na Internet . Os candidatos poderão fazer propagandas nos próprios sites e nos portais dos partidos ou de suas coligações – o endereço eletrônico deverá ser enviado à Justiça. Mensagens eletrônicas poderão ser enviadas para endereços previamente cadastrados pelos candidatos ou por seus partidos e coligações.

A propaganda também poderá ser feita em blogs , sites de mensagem instantânea ou redes sociais , desde que os candidatos e suas equipes sejam responsáveis por gerar ou editar o material. A expressão ” Propaganda Eleitoral ” deverá estar presente no material, assim como o CPNJ do responsável.

Leia Também:  Flávio Bolsonaro declarou 'doações em espécie' de R$ 733 mil para a mãe em 2010

O que é proibido?

No âmbito presencial, é proibida a propaganda através de serviços de telemarketing . Já na parte online, está proibido o disparo em massa de mensagens sem a autorização do destinatário. O impulsionamento de postagens ou mensagens por terceiros e propagandas em sites de pessoas jurídicas ou de entidades do poder público também estão vedados.

Rádio e na televisão

Apesar de começar nesse domingo, a propaganda eleitoral só chegará às rádios e emissoras de televisão no dia 9 de outubro.

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA