NACIONAL

Ao lado do filho, homem é vítima de racismo em SP; veja vídeo

Publicados

em


source
mulher
Twitter/Reprodução

Boletim de ocorrência foi registrado em delegacia de São Paulo

Imagens registradas por um auxiliar de serviços gerais no bairro da Jabaquara, Zona Sul de São Paulo , no último sábado (12) mostram o momento no qual ele sofre ofensas racistas de uma mulher ainda não identificada.

Leandro Antônio Xavier, que tinha ido buscar o filho na casa da ex-esposa, contou que atravessava a rua quando começou a ser vítima das ofensas. Ele começou a gravar e, mesmo assim, não constrangeu a agressora.

No vídeo, além de chamar homem de “macaco” e de “chimpanzé”, a mulher diz que tem “carta branca” e vai xingar “o quanto quiser”. “Vou te processar e pegar dinheiro”, fala. Em entrevista ao jornal Bom Dia São Paulo, Leandro contou que o episódio afetou até mesmo o sono dele. “Eu não dormi de sábado para domingo, do domingo para segunda (…) O que mais me dói é que meu filho estava comigo”, desabafou.

Leia Também:  Bolsonaro diz que escolas não deveriam ter fechado durante a pandemia

Um Boletim de Ocorrência de injúria racial foi registrado e o caso é investigado pela Polícia Civil de São Paulo. Veja, abaixo, vídeo da agressora:


COMENTE ABAIXO:
Propaganda

NACIONAL

Brasileira de 22 anos morre após fazer procedimento estético no Paraguai

Publicados

em


source
jovem
Sheiza Ayala / Instagram

Sheiza foi internada no domingo (13)

Uma jovem de 22 anos identificada como Sheiza Ayala morreu nesta quinta-feira (17) em um hospital da cidade de Ponta Porã, no Mato Grosso do Sul , após realizar um procedimento estético em um hospital do Paraguai.

Segundo a TV Morena, Sheiza teria atravessado a fronteira entre Brasil e Paraguai – que está fechada por causa da pandemia do novo coronavírus (Sars-CoV-2) – para fazer uma cirurgia nos glúteos em uma clínica que poderia ser clandestina em Pedro Juan Caballero.

Sheiza foi submetida ao procedimento no sábado (12) e deu entrada na unidade de saúde brasileira com falta de ar e dores no corpo no domingo (13). Ela passou quatro dias internada e morreu com uma hemorragia no pulmão.

Leia Também:  Para Damares, menina de 10 anos grávida após estupro deveria ter feito cesárea

Por causa da dificuldade de respirar, a jovem foi submetida a um exame para detectar contaminação por Covid-19, mas ele deu negativo. A polícia do Paraguai investiga o caso.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA