NACIONAL

Flordelis convenceu filha a não denunciá-la pelo assassinato de Anderson

Publicados

em


source
Flordelis é apontada como mandante intelectual do assassinato do ex-marido Anderson do Carmo.
Fernando Frazão/Agência Brasil

Flordelis é apontada como mandante intelectual do assassinato do ex-marido Anderson do Carmo.

Os investigadores da Polícia Civil descobriram que Flordelis, deputada acusada de ser a mandante do assassinato do pastor Anderson , convenceu a filha Marzy Teixeira a não denunciá-la pelo crime . As informações são da CNN , que teve acesso às mensagens trocadas entre a deputada e a filha adotiva.

A troca de mensagens ocorreu no dia 6 de agosto de 2019, quase dois meses após a morte do pastor Anderson do Carmo . Através do celular do filho Adriano do Santos, Flordelis se comunicou com a filha adotiva Marzy, cujo contato estava salvo como “Esperança”.

Para os investigadores, as mensagens representam “o momento exato em que Marzy foi manipulada emocionalmente, convencida a mudar de opinião, passando a não mais querer entregar Flordelis”.

Leia Também:  Presos ajudam a combater incêndios no Pantanal

Os registros mostram que Marzy pediu desculpas à deputada e disse que “não queria ser assim”. Flordelis  responde: “você vai conseguir, estou orgulhosa de você, você é mais forte do que pensa ou imagina. Mesmo sofrendo você não se vendeu ao Misael igual às outras pessoas fizeram”.

Além disso, a Polícia Civil também concluiu que a filha Simone participou do homicídio . Em mensagem enviada à Marzy, a deputada diz que “se Simone for para prisão, ela não vai ficar porque não tem nada que a mantenha presa por muito tempo”. A polícia desconfia da especulação feita por Flordelis ainda em um momento precoce da investigação.

Propaganda

NACIONAL

Sem máscaras, Eduardo e Flávio Bolsonaro visitam aldeia indígena no Amazonas

Publicados

em


source
bolsonaros
ESTADÃO CONTEÚDO

Flávio e Eduardo Bolsonaro posam sem máscaras ao lado de indígenas no Amazonas


Sem máscaras e sem respeitar o distanciamento social imposto pela pandemia do novo coronavírus , o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) e o senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) visitiram, recentemente, uma aldeia indígena no Amazonas. A informação foi divulgada nesta quarta-feira (23) pela  Folha de S.Paulo.


Uma foto, publicada nas redes sociais do presidente da Embratur, Gilson Machado Neto, mostra os filhos do presidente Jair Bolsonaro sem máscaras , ao lado dos índios e do secretário de Aquicultura e Pesca, Jorge Seif Júnior. 

Outras imagens compartilhadas pelo governador do Amazonas, Wilson Lima, confirmam a visita à aldeia, apesar de, em outro momento, ambos os irmãos terem utilizado o equipamento de proteção individual.

Perigo para os indígenas

Leia Também:  Menor rapta criança de 6 anos durante sono para estuprá-la

Por não terem histórico de interação com os mesmos vírus e bactérias que a maioria da população urbana, os indígenas possuem um sistema imunológico mais sensível .

A exposição ao novo coronavírus implica em riscos mais graves a esses povos. Dados recentes da Articulação dos Povos Indígenas do Brasil (Apib) indicam que 32,9 mil índios foram contaminados pela Covid-19 e 825 já morreram  por causa da doença. 

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA