NACIONAL

Governo volta a fechar bares e casas de show em Manaus; decisão vale por 30 dias

Publicados

em


source
As novas restrições, que ainda serão publicadas no Diário Oficial do Estado
Foto: Reprodução/Internet

As novas restrições ainda serão publicadas no Diário Oficial do Estado



Bares, balneários, flutuantes, praias, casas de show e aluguel de sítios estão proibidos de funcionar pelos próximos 30 dias no Amazonas. A decisão foi anunciada pelo governador Wilson Lima, durante uma live, na manhã desta quinta-feira (24). De acordo como gestor, os casos da Covid-19 apresentaram uma tendência de crescimento.

Manaus tem 48.389 pessoas infectadas pelo novo coronavírus (Sars-CoV-2) desde o início da pandemia e começou a flexibilizar o isolamento social em junho. Ainda de acordo com o governador do Amazonas, as aulas presenciais nas escolas públicas estão mantidas.

“Estamos tomando essa decisão por conta da falta de respeito de alguns de seguir os protocolos. Ninguém usava mais máscaras e juntava em uma aglomeração. E aí acabava sendo um foco de transmissão do Covid-19”, disse o governador na live desta quinta.

Leia Também:  Após repercussão, Salles nega ter chamado Maia de "Nhonho" e deleta perfil

Ele explicou que a Vigilância Epidemiológica do estado constatou que o aumento de casos da Covid-19 nas últimas semanas se de, principalmente, por causa das aglomerações.

“Só no último fim de semana, fechamos dois estabelecimentos que juntos reuniam algo em torno de 7 mil pessoas. Um tinha 4 mil e o outro 3 mil participantes. É esse tipo de conduta que tem causado o aumento no número de casos, não a abertura de escolas”, destacou. “É o copo da balada que passa de boca em boca, a aglomeração sem cuidados, o não uso de máscaras, e não os estudantes”, concluiu.

Em média, o Amazonas contabilizou 9 novas mortes por dia na última semana, uma alta de 39% em 14 dias, quando a média estava em 7. 

“Estamos tomando hoje medidas restritivas e fechamento de estabelecimentos para priorizar o que é importante. Não vou deixar balada aberta e escola fechada”, disse Wilson Lima.

As novas restrições, que ainda serão publicadas no Diário Oficial do Estado. Lojas de conveniência e restaurantes poderão funcionar até as 22h.

Leia Também:  Em debate vazio, candidatos à prefeitura de SP mostram propostas; veja como foi

Propaganda

NACIONAL

Com a ajuda da filha, mulher põe fogo no carro do ex com ele dentro; assista

Publicados

em


source
Carro fogo
Divulgação/Polícia Civil

Homem teve 60% do corpo queimado pela ex-mulher

Nesta quarta-feira (28), uma mulher de 41 anos foi presa pela Polícia Civil de Minas Gerais na cidade de Ipanema, na região do Rio Doce, após atear fogo no carro do ex-marido com ele dentro. O plano, que seria motivado por ciúme e vingança, contou com a ajuda da filha da suspeita, de 17 anos, que também foi presa.

Segundo informações da corporação, o crime foi cometido na madrugada de quarta, quando a vítima estava dentro do veículo com uma mulher. As duas se aproximaram, jogaram gasolina no carro e atearam fogo. A testemunha, que relatou o caso após chamar a polícia , conseguiu escapar sem lesões, mas o homem teve 60% do corpo queimado e foi encaminhado a um hospital em estado grave.

“A mulher e a adolescente se dirigiram ao local onde estava estacionado o veículo, ocupado pela vítima e uma outra mulher. Elas derramaram combustível no veículo e atearam fogo “, informou o delegado responsável pelo caso, Alfredo Serrano dos Reis.

Leia Também:  Médico diz que enfermeiros precisam de "xerecard" para ter sucesso; assista

Horas depois do crime , mãe e filha foram presas. A adolescente foi encontrada no centro da cidade, enquanto a mulher estava escondida em um sítio na zona rural. Ainda de acordo com a polícia, ela chegou a tentar fugir ao ver a aproximação das viaturas, mas foi contidas pelos agentes.

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA