NACIONAL

Homem invade festa de aniversário e mata ex-namorada e a mãe dela a facadas

Publicados

em


source
Nathalia
Reprodução/Facebook

Jovem foi assassinada pelo ex-namorado no dia em que completava 18 anos

Um caso de feminicídio chocou os moradores do bairro de Guaianazes, zona leste de São Paulo, na noite desta segunda-feira (12). Um homem invadiu a festa de aniversário da ex-companheira, que completava 18 anos, matou ela e a ex-sogra a facadas e feriu outras três antes de fugir.

Segundo informações do Bom Dia São Paulo, a família de Nathalia Saldanha estava reunida em casa quando o ataque aconteceu. A jovem foi esfaqueada pelo suspeito, com quem tinha uma filha de apenas dois anos, e chegou a ser socorrida, juntamente com a mãe, mas ambas acabaram não resistindo aos ferimentos.

De acordo com vizinhos, o homem tinha a fama de ser bastante agressivo e não aceitava o fim do relacionamento com Nathalia, de quem estava separado há cerca de um mês e meio.

Leia Também:  Justiça manda ex-sócios da Boate Kiss ressarcirem INSS em R$ 93 mil

Além de mãe e filha, ele feriu o padrasto da ex e mais duas pessoas, sendo uma delas uma criança de apenas 10 anos. Logo após o ataque, o suspeito fugiu e ainda não foi localizado pela polícia .

Propaganda

NACIONAL

Homem que espancou a namorada em Ilhéus se entrega à polícia e vai para presídio

Publicados

em


source
Carlos Samuel foi preso nesta quarta(21)
Reprodução Twitter

Carlos Samuel foi preso nesta quarta(21)

Carlos Samuel Freitas Costa Filho , flagrado espancando a namorada com diversos socos em Ilhéus, na Bahia , em vídeo que ganhou repercussão na última semana, foi preso na tarde desta quarta (21).

A Polícia Civil da Bahia havia expedido mandado de prisão contra Carlos Samuel na última quinta (15). Desde então ele era considerado foragido pela Justiça, mas nesta quarta (21) o suspeito se apresentou na sede 7ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior, em Ilhéus, acompanhado de dois advogados.

Incluindo este último caso registrado, Carlos tem 11 queixas de violência doméstica registradas contra ele. Três inquéritos já haviam sidos finalizados e enviados a justiça, contudo, os outros sete não foram adiante por que as vítimas não quiseram dar seguimento as queixas.

Leia Também:  Funcionário de hotel no Rio é preso após invadir suíte e estuprar hóspede

Na quinta feira da última semana (15), Carlos esteve na mesma delegacia em que foi detido para prestar depoimentos sobre o caso, mas não foi preso na ocasião por não haver flagrante. Algumas horas depois sua prisão foi decretada.

Em entrevista para à Folha de S.Paulo,  Caique Santana Mota , advogado do suspeito, disse que Carlos apenas revidou as agressões:

“Naquela noite, eles consumiram bastante bebida alcoólica. Houve uma crise de ciúme por parte dela, que o agrediu na presença de testemunhas. Claro que não justifica (os socos), não há como negar. Ele reconhece que se excedeu, que perdeu o controle”, afirmou.

Após exame de lesão corporal o agressor será encaminhado para um presídio.

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA