NACIONAL

Idosa é flagrada dirigindo carrinho elétrico em rodovia de SP; veja vídeo

Publicados

em


source
idosa dirigindo carrinho
Victoria Lobo / Twitter / Reprodução

Imagens foram divulgadas nas redes sociais

Vídeos divulgados nas redes sociais na tarde da segunda-feira (14) mostram o momento no qual uma idosa dirige um carrinho elétrico com velocidade máxima de 8 km/h em uma rodovia da cidade de Limeira, em São Paulo .

O caso foi registrado na altura do altura do quilômetro 113 da Rodovia Deputado Laércio Corte, a SP-147. A idosa tentava seguir do bairro de Cecap para a casa da filha, no bairro de Jardim Santa Adélia.

Em vídeo enviado ao canal EPTV, a filha da idosa, identificada como ngela Gravena, afirmou que essa foi a primeira vez que a mãe decidiu usar o carrinho para trafegar na rodovia porque tinha carteira de habilitação. “Ela achou que não tinha nada anormal”, disse. A mulher garantiu que não vai mais permitir que a mãe faça o caminho perigoso.

Leia Também:  Seis meses de Covid:19: incertezas e esperanças de cidadãos na pandemia sem fim

Apesar do susto, ninguém ficou ferido. Veja, abaixo vídeo do ocorrido:


Propaganda

NACIONAL

Pedagoga leva soco em abordagem policial: “fui chamada de preta, de vagabunda”

Publicados

em


source
screen
Rerodução

Vídeo mostra momento em que Eliane foi derrubada e recebeu soco no rosto

A pedagoga Eliane Espírito Santo, de 39 anos, sofreu uma abordagem violenta da Polícia Militar em Macapá. A mulher, que levou um soco no rosto e recebeu várias ofensas, chegou a ser detida por “desacato e desobediência”.

A ocorrência foi filmada e publicada nas redes sociais pelo filho de Eliane, que também foi abordado. Pouco tempo depois, o vídeo viralizou, causando revolta em internautas.

“Para mim isso foi uma tortura, mexeu muito com meu psicológico. […] Eu fui chamada de preta, fui chamada de vagabunda por eles na delegacia. Eu me senti ofendida e para mim foi um preconceito muito grande, porque éramos os únicos negros ali”, disse ela ao portal G1.

Leia Também:  Brasil registra 739 mortes pela covid-19 nas últimas 24 horas

“A polícia já abordou a gente apontando as armas para o carro. Abordou todo mudo menos eu; um deles deu um soco no estômago do meu marido. Eu falei para a equipe liberar o adolescente porque ele é do interior, e estava sob minha responsabilidade. Eu atravessei, fiquei na calçada de casa. Só um deles me agrediu”, recorda.

A abordagem ocorreu na sexta-feira (18) à noite. Após repercussão, o governador do Amapá, Weldez Góes, afirmou que as imagens “envergonham as forças armadas de segurança do Estado” e reconhece que a ocorrência é “recheada de atitudes racistas”. De acordo com o governo do estado, os policiais serão afastados para investigação.

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA