NACIONAL

Rapaz é agredido por 3 homens enquanto passeava com seu cão em SP; veja o vídeo

Publicados

em


source
Agressão a jovem em SP
Reprodução

Agressão a jovem em SP

Um jovem negro e gay, chamado Robson Gael, foi agredido por três homens enquanto passeava com seu cachorro na região central da capital paulista por volta das 17h no último domingo (4). O vídeo da ocorrência começou a viralizar nas redes sociais, nesta terça-feira (6) e mostra os ataques contra o jovem, que se diz vítima de racismo e homofobia.

Na ocasião, eles teriam chamado ele de “viadinho” e “preto safado”. Além das agressões a Gael, seu cachorro também sofreu ataques. Veja o vídeo das agressões à seguir:

Leia Também:  Professor é preso suspeito de cometer abusos sexuais contra crianças


“Eu estava passeando na rua com meu cachorro e eles começaram a me insultar me chamando de negro safado e vieram para cima de mim”, disse.

E completou: “Eu estou aqui cortado. Todo machucado. Fui abordado por três indivíduos brancos, ‘héteros’ aqui no centro de SP. Me agrediram pelo simples fato de ser gay e negro”, disse o jovem no vídeo acima.

O jovem ainda falou que a situação o deixou com o sentimento de impotência. “Em pleno país onde a maioria da população é negra, a gente precisa passar por umas coisas dessas. Ah, e pra você que ainda acha que não existe racismo neste país, esses cortes aqui na minha boca e as lesões que eu tenho pelo corpo sejam prova viva”, afirmou.

Apesar do jovem dizer que o caso foi motivado por racismo e homofobia, o Boletim de Ocorrência foi feito apenas como agressão.

“Por mais que eu tenha falado e por mais que a minha testemunha tenha falado, não saiu como homofobia e nem tão pouco racismo. Inclusive um dos pontos que eu fiquei revoltado e questionei é que no meu boletim de ocorrência entrou como pardo. E eu não me defino como pardo. Eu sou negro”, disse Robson.

Leia Também:  Ministério da Saúde falhou no combate à pandemia, diz TCU

Todos os envolvidos na ocorrência foram levados à delegacia pela Guarda Civil Metropolitana (GCM) e liberados após prestarem depoimento.

Propaganda

NACIONAL

Bolsonaro participa de “batismo” de caça comprado por Dilma

Publicados

em


source
Caça BOlsonaro
Isac Nóbrega/PR

Solenidade foi realizada nesta sexta-feira (23) em Brasília.

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) participou do “batismo” da aeronave F-39E, caça de origem sueca que estava sendo fabricado desde 2019. A comemoração foi realizada nesta sexta-feira (23) em Brasília.

O avião é o primeiro das 36 aeronaves que o país encomendou da empresa sueca Saab em 2014, durante o governo de Dilma Rousseff (PT). Ao todo, foram investidos R$ 24 bilhões que foram financiados ao longo de 25 anos.

Na solenidade, Bolsonaro estourou uma garrafa de champanhe no caça e brincou, fingindo que iria tomar a bebida. Ele também entrou no veículo. O presidente também disse que 2020 será um ano marcante para a Força Aérea Brasileira (FAB).

“Fomos capazes de colocar no ar dois vetores que podem transformar de forma irreversível nossa operacionalidade e nossa capacidade logística e de afirmar nossa superioridade nos 22 milhões de km2 de espaço aéreo, indispensável à nossa soberania. Incorporamos duas aeronaves estratégicas, KC-390, e o Gripen. É uma demonstração cabal que, com liberdade e comprometimento, o sonho de nosso povo está ao alcance de todos”, afirmou.

Leia Também:  Homem agride e chama de 'macaca' mulheres negras em SP

O novo caça será utilizado para atividades do setor industrial brasileiro. A expectativa da FAB é substituir a frota atual pelas aeronaves Gripen, de origem sueca. Atualmente, são usados caças F-5, que vem dos Estados Unidos. O novo modelo pe considerado mais eficiente, possui uma capacidade tecnológica maior e tem um custo operacional menor do que o atual.

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA