Polícia Federal

Operação Ave Rara combate crimes ambientais em Pernambuco

Publicado

Recife/PE – A Polícia Federal, em conjunto com o IBAMA, deflagrou nesta quinta-feira (13/2) a Operação Ave Rara, com o propósito de combater o tráfico de animais, em especial aves silvestres sob ameaça de extinção.

Durante a investigação, identificou-se um vendedor de uma arara azul, que era um conhecido traficante de animais em Caruaru/PE. Dois mandados de busca e apreensão foram expedidos pela Justiça Federal para serem cumpridos no bairros de Santa Rosa-Caruaru/PE. No local, os policiais federais encontraram algumas aves mortas, vítimas de maus tratos e apreenderam 123 espécimes da fauna brasileira (papagaios, porco caititu, papa capins, golinhos, gralhas cancãs) e 27 gaiolas viajantes, como são chamadas as caixas para transporte clandestino dos animais, os quais foram encaminhados aos cuidados do IBAMA para correta destinação.

O investigado não foi encontrado em nenhum endereço, mas posteriormente será intimado a comparecer à Polícia Federal para responder pela prática de crime ambiental. Segundo informações dos familiares, o suspeito estaria viajando para a Bahia.

O crime que está sendo investigado é o artigo 29, § 1º, item III, da Lei n. 9605/1998 – (vender, guardar e ter em cativeiro espécimes da fauna silvestre sem a devida licença ou autorização da autoridade competente), cuja pena é de detenção de 6 meses a 1 ano de detenção.

 

Contato: (81) 2137-4076
E-mail: [email protected]

Comentários Facebook
publicidade

Polícia Federal

Polícia Federal deflagra operação em santuário indígena

Publicado

Brasília/DF – A Polícia Federal deflagrou nesta terça-feira (18/2) uma operação especial para cumprir uma busca exploratória e cinco mandados de busca e apreensão no Santuário dos Pajés, área ocupada pelos indígenas no Noroeste, bairro da capital federal. Participam da operação 80 policiais federais.

As buscas foram autorizadas pela 15ª Vara Federal do Distrito Federal com o objetivo de apurar possível fraude processual referente à demarcação e delimitação daquela área, bem como identificar pessoas, realizar perícias e apurar denúncias envolvendo posse ilegal de armas de fogo por residentes no local.

Os envolvidos poderão responder pelos crimes de fraude processual e posse irregular de arma de fogo, com penas de até cinco anos de prisão.

  

Contato: (61) 2024-7557

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia Federal

PF combate o abuso e a exploração sexual infantil

Publicado

Rio de Janeiro/RJ – A Polícia Federal, com apoio do seu Grupo Tático (NEPOM/GPI) e da Polícia Militar, deflagrou nesta terça-feira (18/2) a Operação Infância Proibida, com objetivo de combater o abuso e a exploração sexual infantil.

A ação visa cumprir cinco mandados de busca e apreensão em endereços de onde, segundo as investigações, foram compartilhadas diversas imagens pornográficas de crianças e/ou adolescentes. As ordens judiciais estão sendo cumpridas em Vigário Geral, Cosmos, Rocha Miranda, no Turano e no Rio das Pedras e contam com o apoio dos Batalhões da PM das respectivas áreas.

Os investigados integram uma rede internacional de compartilhamento, pela internet, de arquivos com cenas de abuso sexual infantil.

Comunicação Social da Polícia Federal no Rio de Janeiro
[email protected] | www.pf.gov.br
(21) 2203-4404 / 4405 / 4406 / 4407

Comentários Facebook
Continue lendo

Momento MT

Momento Nacional

Momento Esportes

Momento Entretenimento

Mais Lidas da Semana