PET

Projeto de ONG confecciona agasalhos para animais de rua em Jundiaí (SP)

Publicados

em


source
ONG
Melina Nucci/Divulgação

Laila é cuidado por Diego, morador de rua que foi assistido pela Casa de Passagem

Uma campanha organizada pelo Serviço de Obras Sociais (SOS) de Jundiaí (SP) distribui agasalhos para animais que vivem com pessoas em situação de rua, que foram abandonados ou acolhidos por ONGs.

Durante o outono e o inverno, moradores de rua que são assistidos pela instituição confeccionam roupas para os próprios pets e para outros animais que estão passando frio nas ruas.

O projeto denominado “Aquecidos” iniciou no ano passado, em parceria com o Centro Pop, equipamentos de assistência da Prefeitura de Jundiaí.

Ao G1, Melina Nucci, terapeuta ocupacional da Casa de Passagem do SOS, o projeto visa promover empatia entre os usuários da instituição: “Consiste em ensinar pessoas em situação de rua a confeccionarem os agasalhos. As pessoas participam como autoras de uma ação que protege os animaizinhos que se encontram na mesma situação que elas. A pessoa sente frio, então entende que o animal também sente”.

Leia Também:  Maus-tratos a animais domésticos pode levar a até 5 anos de prisão, diz advogado

A SOS também confecciona roupas sob encomendas para pets de moradores locais que gostam da ideia e desejam apoiar o projeto, sendo cobrado um valor simbólico, para que a cada roupinha vendida, outra possa ser doada para um animal que precise.

Também é possível ajudar a instituição doado materiais como soft, plus e velcro, para serem usados nas roupas dos animais, assim como doando agasalhos e alimentos para as pessoas em situação de rua.


Fonte: IG PET

Propaganda

PET

Fundador do Facebook chama sua cabra de ‘Bitcoin’

Publicados

em


source
Em uma postagem no Facebook, Zuckerberg revelou recentemente seus bodes de estimação Bitcoin e Max
Bruno Gall De Blasi

Em uma postagem no Facebook, Zuckerberg revelou recentemente seus bodes de estimação Bitcoin e Max

O CEO do Facebook, detentor de redes como Instagram e WhatsApp, Mark Zuckerberg, levou internautas a loucura ao revelar que batizou uma de suas cabras como Bitcoin, nome que é dado a uma das principais criptomoedas do mundo.

Existem rumores de que o fundador do Facebook seja dono da criptomoeda, contudo ele não disse nada oficialmente sobre o assunto. Apesar de se interessar pelas moedas digitais por vários anos, chegando a propor a própria moeda, que se chamaria Libra.

Alguns usuários mais observadores relembraram que que Zuckerberg já teria supostamente matado uma de suas cabras e dado o animal de presente para Jack Dorsey, o CEO do Twitter.

Leia Também:  Após ser devolvido a abrigo, cãozinho  é adotado e contratado pela CAPS

Em entrevista para a revista Rolling Stones, em 2019, Dorsey relatou uma situação em um encontro no qual tiveram uma das cabras como refeição. Nessa época, em 2011, Zuckerberg teria feito um “desafio pessoal” de comer apenas o que matasse, como forma de ser mais sustentável.

My goats: Max and Bitcoin.

Publicado por Mark Zuckerberg em  Segunda-feira, 10 de maio de 2021

Então, não está claro se suas cabras Max e Bitcoin serão criadas pelo bilionário como pets, ou se terão o mesmo destino da supostamente oferecida a Jack Dorsey.

Fonte: IG PET

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA