Polícia Civil MT

Polícia Civil prende funcionário por abuso de adolescente em estacionamento de papelaria

Publicado


.

Assessoria/Polícia Civil-MT

Um homem suspeito de abusar sexualmente de um adolescente de 13 anos foi preso em flagrante pela Polícia Civil, nesta segunda-feira (01.06), em ação da Delegacia Especializada de Defesa da Criança e Adolescente (Deddica).  O fato ocorreu no estacionamento de uma papelaria da Capital, onde o suspeito trabalha.

As investigações iniciaram após a vítima contar sobre o abuso para a coordenadora do grupo de jovens da sua igreja e ela comunicar o fato a Polícia. Ao ser ouvida, a vítima contou que foi abordada pelo suspeito responsável por passar álcool em gel nas mãos dos clientes, no momento em que saia da papelaria.

Na ocasião, o suspeito começou a ameaçar o adolescente e disse que era para o menor acompanhá-lo até o carro no estacionamento da empresa, onde ocorreu o abuso.

Assim que recebeu as informações, a equipe da Deddica iniciou as diligências conseguindo identificar toda a ação do suspeito através das imagens das câmeras de segurança da papelaria. Diante das evidências o suspeito foi conduzido a Deddica, onde após ser interrogado foi autuado em flagrante por estupro de vulnerável.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
publicidade

Polícia Civil MT

Polícia Civil prende suspeitos de furto de caixa eletrônico de supermercado da capital

Publicado


.

Assessoria/Polícia Civil-MT

Dois homens identificados como autores da tentativa de furto qualificado de um caixa eletrônico em um supermercado da Capital foram presos em flagrante nesta segunda-feira (13.07), em ação realizada pela Gerência de Combate ao Crime Organizado da Polícia Civil.

O furto ocorreu na madrugada desta segunda-feira quando os criminosos utilizado artefato explosivo tentaram subtrair valores do caixa 24 horas, localizado dentro do supermercado no bairro Jardim Califórnia. Na ação, os suspeitos não conseguiram levar o dinheiro do caixa, porém subtraíram fardos de cerveja do estabelecimento.

Assim que foi acionada, a equipe da GCCO realizou atendimento no local dos fatos e com apoio do Batalhão de Operações Especiais (Bope) da Polícia Militar retirou o artefato utilizado pelos suspeitos, que ainda estava no caixa eletrônico.

Durante as diligências, os policiais da GCCO conseguiram identificar um dos envolvidos no crime, que foi localizado em sua residência no bairro Areão. Questionado, inicialmente o suspeito negou que tivesse saído de casa durante a noite, porém com ele foi encontrado um simulacro de arma de fogo e uma sacola com as roupas utilizadas na ação criminosa.

Diante das evidências, o investigado confessou a autoria dos fatos e também identificou seu primo como comparsa no crime.  Diante da informação, os policiais foram até a casa do segundo suspeito, localizada no mesmo bairro.

Ao perceber a presença da equipe, ele tentou fugir pelos fundos da casa, porém foi detido por policiais que monitoravam o local. Além das duas prisões, com um dos suspeitos foram apreendidas três chaves de veículos importados, subtraídas junto a outros objetos de uma concessionária de Cuiabá no início do mês de junho.

Segundo a delegada da GCCO, Juliana Chiquito Palhares, pelas imagens é possível perceber que ao menos três suspeitos participaram da ação criminosa, sendo realização a prisão em flagrante de dois deles e identificação do terceiro.

 “Os três suspeitos ostentam passagens criminais, desta foram foi realizada a prisão em flagrante dos dois detidos pelo crime de furto qualificado pelo emprego de artefato explosivo e representado pela prisão preventiva do terceiro comparsa, ainda não localizado”, disse a delegada.

 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia Civil MT

Rapaz é preso após incendiar casa da própria mãe, em Jauru

Publicado


.

Assessoria | Polícia Civil-MT

Um jovem acusado de atear fogo na casa da própria mãe na noite de domingo (12.07) em Jauru (425 km a oeste de Cuiabá), foi preso pela Polícia Civil do município, com apoio da Polícia Militar. O suspeito de 21 anos foi autuado em flagrante pelos crimes de incêndio e resistência à prisão.

Policiais civis e militares foram acionados para atender a uma ocorrência de incêndio em uma casa no centro da cidade. No local, testemunhas informaram que o responsável pelo fogo era o filho da moradora, de 51 anos. 

Conforme informações apuradas, o rapaz chegou na residência bastante alterado e exaltado e discutiu com o avô e a mãe. Em seguida, ele foi até o fundo da casa e usando gasolina ateou fogo em um cômodo de madeira, que ficou totalmente destruído pelas chamas, junto com os móveis.

O fogo somente foi contido após atendimento realizado pelo Corpo de Bombeiro Militar. Logo que abordado, o suspeito tentou resistir, no entanto, acabou contido e levado para a Delegacia de Polícia de Jauru.

O conduzido foi interrogado pelo delegado Maurício Maciel Pereira Junior e assumiu os fatos. Ele contou que usou o combustível de sua motocicleta para iniciar o incêndio. O crime foi motivado pelo uso de droga e álcool. Após a confeção dos procedimentos, o rapaz foi colocado à disposição da Justiça.

 

 

 

 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Momento MT

Momento Nacional

Momento Esportes

Momento Entretenimento

Mais Lidas da Semana