Polícia Civil MT

Polícia Civil prende segundo envolvido em roubo em Sorriso

Publicado


.

Assessoria | PJC-MT

O segundo participante de um roubo cometido em um estabelecimento comercial em Sorriso (420 km ao norte de Cuiabá) foi preso pela Polícia Civil, na manhã desta quinta-feira (26.03). A prisão foi realizada pele equipe do setor de furtos e roubos da Delegacia de Polícia em cumprimento a mandado de prisão.

O suspeito, de 22 anos, foi identificado nas diligências  investigativas para apurar o roubo praticado em uma ótica na cidade. Logo após o crime, um homem foi preso em flagrante pela Polícia Militar, e o segundo envolvido conseguiu fugir.

Com base nas indícios de autoria colhido pelo policiais civis, foi representado pelo pedido de prisão do jovem, o qual foi decretado pela Justiça. Diante da ordem judicial, os investigadores efetuaram a prisão do rapaz em uma residência do bairro Boa Esperança 2. 

Depois de ter o mandado de prisão cumprido, o suspeito foi conduzido para Delegacia de Sorriso, onde foi interrogatório e negou as acusações. Porém ele foi reconhecido pelas vítimas.

Após as providências cabíveis o preso foi colocado à disposição da Justiça. 

 

 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
publicidade

Polícia Civil MT

Policiais civis prendem suspeito de furto qualificado, que saiu recentemente da prisão

Publicado


.

Assessoria/Polícia Civil-MT

Policiais civis de Confresa (1.160 km a nordeste de Cuiabá) prenderam nesta sexta-feira (03.04) um homem suspeito do crime de furto qualificado. A prisão foi realizada por equipes da delegacia municipal e da especializada de Roubos e Furtos de Confresa.

Após receber a comunicação de um furto ocorrido em uma residência de Confresa, nesta quinta-feira, os investigadores iniciaram as diligências e identificaram o suspeito, que tem outras passagens pela polícia por crimes semelhantes.

No furto à residência, o suspeito arrombou a porta dos fundos da casa e levou uma geladeira, uma cama, um colchão e um botijão de gás. Após o crime, ele, em companhia de outra pessoa, vendeu os objetos a uma loja de pregão da cidade.

O suspeito estava preso anteriormente e liberado recentemente pela justiça, conforme recomenda a Resolução 62/2020 que prevê, entre outras medidas, a reavaliação de prisões provisórias a fim de evitar superlotação nas unidades prisionais durante o período da pandemia da Covid-19.

O suspeito de 37 anos foi autuado em flagrante por furto qualificado e após a conclusão dos procedimentos policiais será encaminhado para unidade prisional de Porto Alegre do Norte/MT, onde permanecerá à disposição da Justiça.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia Civil MT

Polícia Civil prende dois empresários por suspeita de uso de documento falso em Água Boa

Publicado


.

Assessoria | PJC-MT

Duas pessoas foram presas pela equipe da Polícia Civil de Água Boa (730 km ao Leste) na tarde de quinta-feira (03.04) por suspeita de uso de documento falso. Os suspeitos são proprietários de uma empresa de consórcio na cidade e eram investigados pela Polícia Civil há algum tempo pela prática de crimes de estelionato e falsificação de documentos.

Segundo o delegado, Gutemberg de Lucena Almeida, no decorrer do inquérito foram apuradas diversas fraudes cometidas pelos suspeitos, sendo identificadas e ouvidas aproximadamente 20 vítimas que tiveram prejuízos financeiros pela atuação da empresa. 

A situação de flagrante aconteceu quando os responsáveis pela empresa, através do contador, apresentaram a uma cliente um decore falsificado declarando renda superior à realmente auferida pela cliente. “Como essa pessoa já havia sido lesada pela empresa com prejuízo de aproximadamente R$ 14 mil, procurou a Polícia Civil e apresentou o documento falsificado”, disse o delegado. 

Uma adolescente que trabalha como vendedora de consórcio na empresa também foi conduzida e liberada após ser ouvida. As investigações seguem para apurar outras fraudes e condutas relacionadas aos suspeitos.

O flagrante foi comunicado ao juízo da Comarca de Água Boa e os presos encaminhados à Penitenciária local onde aguardam decisão judicial. 

 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Momento MT

Momento Nacional

Momento Esportes

Momento Entretenimento

Mais Lidas da Semana