POLÍCIA FEDERAL

PF e PMPR apreendem 350 caixas de cigarros contrabandeados

Publicados

em


Iporã/PR – Nesta quarta-feira (16/6), após o recebimento de informações no disque denúncia, equipe integrada pela PF e PMPR de Iporã/PR iniciou diligências no sentido de identificar depósito de ilícitos na zona rural de Iporã.     

Ao se aproximar da região, os policiais perceberam a presença suspeita na imediações de mata da região e, após alguns instantes de buscas, foram encontrados no chão, cobertos por uma lona preta, diversos fardos de cigarros contrabandeados do Paraguai.

No local, ao abandono, foi apreendido aproximadamente 350 caixas de cigarros paraguaios.

Os materiais apreendidos foram encaminhados para a Delegacia de Polícia Federal em Guaíra-PR.

Fazem parte do PROGRAMA V.I.G.I.A. e desta operação interagências equipes da POLÍCIA FEDERAL, BPFRON e BOPE da PMPR, TIGRE e GOA da PCPR, BOPE/PMMS, FORÇA NACIONAL, RECEITA FEDERAL e EXÉRCITO BRASILEIRO, com apoio da SEOPI – Secretaria de Operações Integradas/MJSP.

Comunicação Social da Polícia Federal em Guaíra/PR

Disque denúncia: (44) 3642-9131

Leia Também:  Polícia Federal deflagra Operação Eratos para investigar estrangeiros vivendo em condição análoga à escravidão em São Paulo
Propaganda

POLÍCIA FEDERAL

Polícia Federal prende um dos principais fabricantes de cédulas falsas do país

Publicados

em


Porto Alegre/RS – A Polícia Federal prendeu nesta sexta-feira (30/7) um homem considerado um dos principais produtores de cédulas falsas do país. O mandado de prisão foi cumprido no município de Araranguá (SC), no início da manhã, quando o investigado se deslocava em um veículo blindado para o Rio Grande do Sul.

Ele vinha sendo procurado pela Polícia Federal desde 2016, quando, após ser colocado em liberdade pela justiça com a utilização de tornozeleira eletrônica, conseguiu escapar do monitoramento. Em 2014, o falsário foi preso em operação da Polícia Federal e posteriormente condenado pela Justiça Federal. 

Conforme levantamentos da PF, as cédulas falsas fabricadas por ele tiveram queda significativa na circulação após sua prisão em 2014, mas, em 2016, a partir do momento em que esteve foragido, as notas com a numeração de série utilizadas em suas falsificações voltaram a circular em todo o Brasil.

Também foram cumpridos dois mandados de busca e apreensão em Viamão, onde foi encontrado produto possivelmente utilizado na fabricação de notas. Também foram apreendidos R$ 23 mil reais, encontrados no veículo em que o preso trafegava.

Leia Também:  PF e PRF apreendem grande quantidade de cocaína no Rio de Janeiro

O preso tem 54 anos e é natural de Cachoeira do Sul. Ele foi conduzido à Superintendência da Polícia Federal e será encaminhado ao sistema prisional para cumprimento da pena.

Comunicação Social da Polícia Federal no Rio Grande do Sul

Fone: (51) 3235.9005/99717.3040

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA