POLÍCIA FEDERAL

PF, em operação conjunta, prende suspeitos do homicídio de um servidor federal

Publicados

em


.

Palmas/TO – A Polícia Federal informa a prisão dos envolvidos no assassinato de servidor federal, encontrado morto em sua propriedade rural próxima ao município de Aparecida do Rio Negro, na tarde da última quarta-feira (9/9).

Os supostos autores do crime fugiram do local levando pertences da vítima, sua arma e seu veículo.

Logo em seguida iniciaram-se as buscas por todas as Forças Policiais, sendo que a primeira prisão foi realizada pela Polícia Civil na sexta-feira (11) em Porto Nacional. O segundo suposto envolvido no crime, o caseiro da propriedade da vítima, que havia fugido e se escondido na mata desde então, foi localizado pela equipe da Polícia Federal em zona rural entre os municípios de Silvanópolis e Monte do Carmo.

Preso, o caseiro confessou o cometimento do crime e relatou que a arma roubada estaria escondida em um estabelecimento comercial em Silvanópolis. Diligências foram efetuadas imediatamente, a arma foi localizada e a pessoa que estava na posse do armamento foi encaminhada para a central de flagrantes.

Leia Também:  PF combate facilitação na regularização fundiária no Amapá

Os dois envolvidos com o assassinato do servidor da Polícia Federal e o envolvido na guarda do armamento roubado foram presos e se encontram recolhidos na Casa de Prisão Provisória de Palmas.

A Polícia Federal agradece o valioso apoio prestado pela Polícia Militar, Polícia Civil e Polícia Rodoviária Federal na elucidação do caso e na prisão dos acusados.

 

Comunicação Social da Polícia Federal no Tocantins

Fone: (63) 3236-5440
E-mail: [email protected]pf.gov.br

Propaganda

POLÍCIA FEDERAL

PF combate o tráfico de drogas, no âmbito da Operação FICCO, em Roraima

Publicados

em


.

Boa Vista/RR – A Força Integrada de Combate ao Crime Organizado de Roraima – FICCO/RR, coordenada pela Polícia Federal e integrada pelas polícias Civil e Militar e pelas secretarias da/ Justiça e Cidadania e da Segurança Pública de Roraima, prendeu nos últimos dias 16 e 17, em duas ações distintas, três pessoas por tráfico de drogas e uma por calúnia e dano qualificado em boa Vista/RR.

Na primeira das ações, no dia 16/9, investigadores da Força Integrada identificaram um endereço onde suspeitos abasteceriam outros traficantes com drogas para posterior distribuição. No local, duas pessoas foram presas e quase seis quilos de skunk foram apreendidos.

Já na prisão do dia 17/9, a FICCO/RR recebeu denúncias acerca da ocorrência do tráfico de drogas no bairro Santa Luzia. Após diligências, os policiais identificaram o suspeito em atuação característica dos “serviços” de entregas de drogas, quando realizaram a abordagem e flagantearam o homem com uma pequena quantidade de cocaína.

Em sua residência foi encontrada outra porção de droga, durante as buscas, momento em que a irmã do preso chegou no local desrespeitando os policiais, acusando-os de terem forjado a ação e implantado drogas junto ao suspeito, além de estarem atuando em condutas tipificadas na lei de Abuso de Autoridade, momento em que lhe foi dada voz de prisão pelo crime de calúnia. Ao ser conduzida à viatura policial, a presa também chutou e danificou o veículo, conduta de dano qualificado. As penas para os crimes podem chegar a cinco anos, além de multa.

Leia Também:  PF combate o tráfico de drogas, no âmbito da Operação FICCO, em Roraima

O suspeito confirmou que era o proprietário das drogas.

Todos os presos foram encaminhados ao sistema prisional, onde permaneceram à disposição da Justiça.

 

Comunicação Social da Polícia Federal em Roraima

Fone: (95) 3621-1522
E-mail: [email protected]

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA