POLÍCIA FEDERAL

PF, no âmbito da Operação Hórus, apreende caminhão carregado com cigarro contrabandeado do Paraguai

Publicados

em


.

Guaíra/PR – Nesta quarta-feira (9/9), durante patrulhamento em portos da região do Distrito de Oliveira Castro – Zona Rural de Guaíra/PR – equipe policial avistou movimentação típica de contrabando.

Quando da aproximação policial, algumas pessoas evadiram-se em meio à mata e à escuridão. No local, foi localizado um caminhão abandonado, carregado com cerca de 40 caixas de cigarro paraguaio.

A apreensão foi encaminhada à Delegacia da Polícia Federal em Guaíra/PR.

Fazem parte do Programa V.I.G.I.A. e desta operação interagências equipes da POLÍCIA FEDERAL, COBRA/BPFRON e COE/BOPE da PMPR, TIGRE/PCPR, BOPE/PMMS, FORÇA NACIONAL e pelo EXÉRCITO BRASILEIRO, com apoio da SEOPI – Secretaria de Operações Integradas/MJSP.

 

Comunicação Social da Polícia Federal em Guaíra/PR

Disque denúncia: (44) 3642-9131

Leia Também:  PF, em ação conjunta, apreende cerca de 415 kg de droga
Propaganda

POLÍCIA FEDERAL

PF prende foragidos em grupo de deportados

Publicados

em


.

Belo Horizonte/MG – Na sexta-feira, 25/9, desembarcou em Belo Horizonte mais um voo oriundo dos Estados Unidos da América, trazendo 53 deportados. Coube à Polícia Federal realizar os procedimentos de controle migratório, uma de suas competências definidas pela Constituição da República.

Dentre os deportados, retornaram ao país dois foragidos internacionais, que foram presos pela Polícia Federal assim que desembarcaram no Aeroporto Internacional Tancredo Neves, em Confins/MG.

Um dos presos tem 50 anos, é natural de Campo Grande/MS e foi condenado a dois anos e oito meses de prisão em regime aberto, pela prática de crime contra a ordem tributária, com mandado expedido pela 1ª Vara Federal Criminal de São Paulo. O outro tem 42 anos, figurava na lista de Difusão Vermelha da INTERPOL e tinha contra si mandado de prisão preventiva decorrente de decisão condenatória expedido pelo Tribunal de Justiça de São Paulo, pela prática de homicídio qualificado, cuja pena máxima pode chegar a 30 anos de reclusão.

Leia Também:  PF combate caça ilegal em Unidade de Conservação no Amapá

Os presos serão conduzidos para o CERESP Gameleira, onde ficarão à disposição da Justiça.

Seguindo todos os protocolos de cuidados do Ministério da Saúde em face da pandemia do Covid-19, a Polícia Federal continua trabalhando.

 

 

Comunicação Social da Polícia Federal em Minas Gerais

[email protected] | www.pf.gov.br

Fone: (31) 3330-5270

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA