POLÍCIA FEDERAL

Polícia Federal apreende novo tipo de droga sintética em Aracaju

Publicados

em

Aracaju/SE – Na quarta-feira (9/10) policiais federais prenderam em flagrante um rapaz, de 24 anos, e apreenderam uma adolescente, de 16 anos, por tráfico de drogas, em cumprimento a um mandado de busca e apreensão expedido pela Justiça estadual de Sergipe.

Durante as buscas, os policiais encontraram inicialmente apenas o celular da jovem, enquanto o rapaz alegava que seu aparelho estava quebrado, mas o mesmo foi encontrado em cima do muro na parte dos fundos da residência em perfeito estado de funcionamento.

Dentro da carteira pessoal do rapaz, os policiais encontraram um pequena quantidade de pó branco. Ele afirmou se tratar de MDMA e que preferia usar o pó diretamente a ter que usar os comprimidos, por serem misturados com substâncias que podem fazer mal à saúde. Também foram encontrados no quarto do casal uma pequena quantidade de maconha e um envelope timbrado pelos Correios, contendo em seu interior 99 comprimidos.

Após exames periciais, constatou-se que os comprimidos tinham o princípio ativo catinona sintética (eutilona),  oriundos de Santa de Catarina, e pela primeira vez apreendidos em Sergipe. 

Leia Também:  PF apreende dinheiro falso na Zona Leste de Natal/RN

A fórmula original do ecstasy, antes conhecida como MDMA, vem sofrendo alterações. Na apreensão de hoje constatou-se a introdução de um novo princípio ativo, a catinona sintética.

O rapaz foi autuado em flagrante e a jovem encaminhada para a Delegacia de Menores da Secretaria de Segurança Pública do Estado.

 

Comunicação Social da Polícia Federal em Sergipe
Contato: (79) 3234-8527

Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

POLÍCIA FEDERAL

PF investiga possível estelionato contra o INSS

Publicados

em

Presidente Prudente/SP. A Polícia Federal cumpriu, na última sexta-feira, 5/8, mandado de busca e apreensão, com o objetivo de angariar mais provas contra estelionatário que, de posse de senhas de acesso ao portal “MEU INSS”, em nome de terceiras pessoas, obtidas junto a servidora do INSS ainda não identificada, praticava fraudes diversas.

A busca visou, ainda, a identificação de outros eventuais crimes e participantes da empreitada criminosa. A investigação teve início em 2021, quando a PF, no decorrer de outra investigação policial, em Presidente Prudente/SP, descobriu fatos que indicavam a prática de corrupção por parte de servidora do INSS, que, em tese, teria recebido vantagem indevida para cadastrar e fornecer senhas de acesso ao portal “MEU INSS.

Como resultado da busca, foram apreendidos 5 celulares, 13 RG’s aparentemente falsificados, 12 espelhos de RG’s, 11 espelhos CNH’s, 24 cartões bancários em nome de terceiros, bem como outros materiais que podem contribuir para a elucidação dos crimes investigados.

Comunicação Social da Polícia Federal em Presidente Prudente

Leia Também:  PF prende homem após invasão de área restrita no aeroporto de Manaus/AM

Fonte: Polícia Federal

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MAIS LIDAS DA SEMANA

Botão WhatsApp - Canal TI
Botão WhatsApp - Canal TI