POLÍCIA FEDERAL

Polícia Federal e Polícia Militar Rodoviária, em ação conjunta, combatem o tráfico de drogas

Publicados

em

Bauru/SP – Nesta quinta-feira, 23/6, em ação conjunta da Polícia Federal e Polícia Militar Rodoviária Estadual, foi efetuada a abordagem de indivíduo que conduzia um caminhão transportando duas motocicletas, vindo de Ponta Porã/MS, com destino a Corumbataí/SP.

Ao ser realizada vistoria no cavalo trator e no semirreboque, percebeu-se que os pneus aparentavam possuir algo em seu interior. Diante da suspeita, o veículo foi conduzido a Bauru, onde houve a desmontagem dos pneus e localizados dentro de alguns destes 174 tijolos de pasta base de cocaína, totalizando 177 quilogramas da substância.

O condutor recebeu voz de prisão em flagrante e conduzido a Delegacia de Polícia Federal em Bauru, onde foi autuado e indiciado como incurso nos crimes previstos nos artigo 33 e 40, inciso V, da Lei 11.343/06, cuja pena máxima, por conta da majorante, pode atingir até 25 anos de reclusão.

Comunicação Social da Polícia Federal em Bauru/SP

Leia Também:  Operação Contritio Fiduciae investiga fraudes na obtenção de auxílio emergencial
Propaganda

POLÍCIA FEDERAL

Polícia Federal realiza a doação de bens culturais apreendidos em inquérito policial

Publicados

em

Curitiba/PR – A Polícia Federal realizou na quarta-feira (29/6) a doação de documentos raros ao Arquivo Geral da Cidade do Rio de Janeiro, apreendidos em inquérito policial conduzido no Estado do Paraná. A destinação tem como objetivo a preservação do patrimônio histórico e cultural brasileiro.

Trata-se de exemplares do jornal ilustrado denominado “Don Quixote”, editado pelo artista gráfico Angelo Agostini e publicados entre 1895 e 1903, no Rio de Janeiro. Tal periódico retratava fatos políticos e sociais especialmente no contexto histórico do início da república no Brasil. 

A investigação foi iniciada no ano de 2019 após a comunicação de que bens culturais pertencentes ao acervo daquela instituição, subtraídos no ano de 2006, pudessem estar sendo comercializados em site de leilão pela internet. 

De acordo com a Constituição Federal, é competência comum da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios a proteção de documentos, obras e outros bens de valor histórico, artístico e cultural, monumentos, paisagens naturais notáveis e sítios arqueológicos.

A subtração, o comércio e o tráfico ilícito de bens culturais podem configurar inúmeros crimes, tais como o furto, o roubo, a receptação e o contrabando previstos no Código Penal, bem como delitos previstos nas Leis de Combate a Crimes Contra o Meio Ambiente 9.605/98 e à Lavagem de Dinheiro 9.613/98.

Leia Também:  Polícia Federal deflagra Operação Smog para reprimir associação criminosa voltada ao contrabando de cigarros

Comunicação Social da Polícia Federal no Paraná

Telefone: (41) 3251-7810
E-mail: [email protected]

Fonte: Polícia Federal

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA

Botão WhatsApp - Canal TI
Botão WhatsApp - Canal TI