POLICIAL

Dias da árvore e limpeza têm distribuição de mudas, plantio e mutirão.

Publicados

em


.

14/09/2020    0

Os dias mundiais da Limpeza e da Árvore, festejados em 19 e 21 de setembro, respectivamente, serão comemorados pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Rural e Sustentável de Várzea Grande. Fazem parte do calendário, entre os dias 14 e 21 desse mês, ações de limpeza, plantio de árvores e distribuição de mudas. 

Segundo a secretária responsável, Helen Farias, o Dia Mundial da Limpeza é um momento para a população refletir sobre o consumo e as consequências causadas por ele como o descarte incorreto de resíduos. “Iniciaremos os trabalhos dia 14, no período matutino, fazendo a limpeza de uma Área de Preservação Permanente (APP) na região da Passagem da Conceição. Uma ação simbólica para que as pessoas pensem nos resíduos que geramos, onde descartamos, bem como a destinação correta desses resíduos. É importante que cada cidadão contribua com a limpeza de suas cidades, bairros e demais áreas públicas”, explica. 

A secretária lembra que a localidade da Passagem da Conceição fica localizada às margens do rio Cuiabá, local que atrai banhistas. “Também estaremos com a limpeza preservando a integridade do rio e buscando despertar a consciência desses banhistas que descartam resíduos e rejeitos ao longo da APP do rio Cuiabá”. 

Leia Também:  Programação no Hospital e Pronto Socorro debate o suicídio no cotidiano profissional e junto à pacientes

Nos dias 17 e 18, ao menos 100 mudas de plantas nativas serão plantadas nas Escolas Municipais (EMEBs) “Benedito Abraão Nassardem” no bairro Formigueiro, “Marilce Benedita de Arruda” no centro, “Antônio Joaquim de Arruda”, no Cristo Rei; no Centro de Educação Infantil (CMEI) no centro da cidade; e, no Centro de Referência em Assistência Social (Cras) do bairro Santa Maria. 

“Por causa da pandemia do novo coronavírus e das determinações das autoridades para o distanciamento social, neste ano, o plantio dessas mudas será feito internamente pela comunidade escolar. Inclusive as próprias escolas fizeram a solicitação das mudas e algumas trabalharão esse plantio como atividade educacional remota com seus alunos sobre o Dia da Árvore”, salientou Helen. 

Já no dia 21 de setembro – Dia Mundial da Árvore – a secretaria realizará a entrega gratuita de 200 mudas nativas, a exemplo de ypês e patas de vaca. A distribuição ocorrerá em sistema de drive thru em frente ao Várzea Grande Shopping a partir das 8h30. “Ao entregar as mudas orientaremos sobre o plantio e sobre as datas comemoradas. O objetivo além de incentivar o plantio das mudas é de despertar e conscientizar a população quanto aos benefícios das árvores, arborizar a cidade, melhorar a qualidade de vida das pessoas com novas áreas verdes além de imputar o cuidado e o respeito à natureza”, lembra a secretária. 

Leia Também:  Jucemat faz adequações na REDESIM, e sistema fica fora do ar até o dia 30

Helen Farias lembra que as ações contam com o apoio da Empresa Mato-grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural (Empaer) com a doação de mudas; da Secretaria de Serviços Públicos na ação de limpeza da área de APP que disponibilizará pessoas, caminhão para a coleta dos resíduos, luvas, bags, sacos de lixo, álcool em gel e água potável; além da Guarda Municipal de Várzea Grande organizando o trânsito na distribuição de mudas à sociedade. 

“Mesmo em meio à pandemia estaremos cuidando do meio ambiente, trabalhando a consciência das pessoas e das crianças, sem aglomerações, e mantendo o mesmo espírito de dever a ser cumprido com o nosso planeta”, completa.

Por: Rafaela Maximiano – Secom/VG

Propaganda

POLICIAL

Programação no Hospital e Pronto Socorro debate o suicídio no cotidiano profissional e junto à pacientes

Publicados

em


.

25/09/2020    3

A administração do Hospital e Pronto Socorro Municipal de Várzea Grande (HPSMVG) realizou nesta sexta-feira, 25 de setembro, o dia D da campanha de prevenção ao suicídio presente durante todo o Setembro Amarelo na rede pública de saúde do município. Em parceria com a coordenação de Saúde Mental da secretaria de saúde, três apresentações abordaram o assunto aos servidores do HPSMVG. 

“Durante todo este mês distribuímos panfletos, fizemos pequenas palestras e abordagens junto aos pacientes aqui do Pronto-Socorro bem como seus acompanhantes. Esta foi apenas uma das ações realizadas pela Secretaria de Saúde com foco no Setembro Amarelo”, disse o diretor geral do Hospital e Pronto Socorro, Ney Provenzano. 

A importância da qualificação das práticas desenvolvidas no Hospital e Pronto Socorro Municipal de Várzea Grande diante de uma tentativa de suicídio e de situações de crise e urgência em saúde mental foi o tema abordado na abertura do encontro, pela enfermeira do Núcleo de Educação Permanente (NEP), Gessica Fernanda Colnago. 

A coordenadora da Saúde Mental da secretaria, Soraya Danniza Barbosa Miter Simon contextualizou sobre a Rede de Atenção Psicossocial de Várzea Grande. “Falamos sobre nossas potencialidades e desafios. Atualmente Várzea Grande possui profissionais e unidades especializadas de atenção psicossocial, tanto infanto-juvenil quanto para adultos”, informou.  

Os profissionais de saúde também conheceram o projeto “Suicídio: não dá mais para deixar de falar” apresentado pela enfermeira do Núcleo Hospitalar de Epidemiologia (NHE), Monara Moreira Maciel Pot e assistiram a palestra “Saúde mental dos profissionais de saúde. Quais cuidados tomar” realizada pela psicóloga Cálita Medeiros Machado de Oliveira. 

Leia Também:  Jucemat faz adequações na REDESIM, e sistema fica fora do ar até o dia 30

“O projeto tem como objetivo intervir nos casos de tentativas de suicídio e nas situações de crise e urgência em saúde mental de forma efetiva por meio da organização dos serviços, dos processos de trabalho e do fortalecimento da articulação entre os pontos de atenção à saúde. Para isso as unidades de saúde possuem profissionais preparados para realizar abordagem adequada dos pacientes e intervir nas situações de crise e urgência em saúde mental; realizar a vigilância, o manejo clínico e escuta psicológica; e, promover a continuidade do cuidado por meio de ações integradas entre os vários pontos de atenção psicossocial”, detalhou a enfermeira do NHE, Monara Pot, sobre o projeto “Suicídio: não dá mais para deixar de falar”. 

“O mês de setembro ficou conhecido como Setembro Amarelo em alusão ao dia mundial de prevenção do suicídio que é um chamamento para que se voltem os olhares dos gestores, profissionais e da população de um modo geral para esse complexo problema de saúde pública. Por ser considerado um fenômeno multicausal, ou seja, não decorrente de uma única causa, mas sim, de questões afetivas, familiares, sociais, territoriais, psíquicas, entre outras, o suicídio é um fenômeno de elevada complexidade por isso a necessidade de ações de prevenção contínuas inclusive no cotidiano dos profissionais de saúde”, justificou o diretor do PSMVG. 

Confira a Rede de Atenção Psicossocial de Várzea Grande que atende de segunda a sexta-feira das 7h às 17h: 

Leia Também:  Escolas da Rede Municipal recebem o projeto ‘Sacola Literária’

– CAPS 2 – Tratamento para pessoas a partir de 18 anos, com transtornos mentais graves. Localizado na rua Fenelon Muller, 608, centro. (65) 3688-3112. 

– CAPS AD – Tratamento para pessoas a partir de 18 anos, em uso e abuso de álcool e outras drogas. Localizado na avenida Castelo Branco, 2.333, Jardim Imperador. (65) 3688-3045. 

– CAPS Infanto Juvenil – Tratamento para crianças e adolescentes com idade abaixo de 18 anos, que apresentem transtornos mentais graves ou uso de álcool e outras drogas. Localizado na rua Presidente Prudente de Moraes, 1.130, Ipase. (65) 3688-3046. 

– Clinica de Atenção Primária à Saúde Miguel Baracat – Localizada na Avenida Praia Grande, s/n, 24 de Dezembro. Telefone funcional (65) 98476-6717. 

– Clinica de Atenção Primária à Saúde Moacyr D’Lannes – Localizada na rua Harmonia s/n, Jardim Glória II. Telefone funcional (65) 98476-6708. 

– Clinica de Atenção Primária à Saúde Arminda Guimarães Sato – Localizada na rua Governador General Mallet, quadra 16, s/n, Marajoara. Telefone funcional (65) 98476-6559. 

– Clinica de Atenção Primária à Saúde Parque do Lago – Localizada na Avenida Julião de Brito, s/n, Parque do Lago. Telefone (65) 3694-8731. 

– “Consultório na Rua” – Atendimento itinerante para pessoas em situação de rua. Ocorre de segunda à quinta-feira das 19n às 23h. Telefone funcional (65)98476-6419. 

 

Por: Rafaela Maximiano – Secom/VG

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA