POLICIAL

Secretaria de Saúde abre prazo para solicitação de aplicação de imunoglobulina em crianças de até 2 anos de idade

Publicados

em


Gustavo Duarte

Clique para ampliar

Está aberto o período de solicitação de aplicação da imunoglobulina Palivizumabe, destinado à prevenção de doença grave do trato respiratório inferior, causada pelo vírus sincicial respiratório (VSR). O medicamento de alto custo é voltado para pacientes de até 2 anos de idade que residam ou estejam internadas em Cuiabá. 

A responsável técnica de Saúde da Criança da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), Susi Nayara da Costa, explica que desde 2019, a Secretaria possui um polo de aplicação ambulatorial para atendimento das crianças, que neste ano, visando evitar o contágio pelo novo coronavírus, funciona no centro odontológico anexo à Policlínica do Verdão. 

Os critérios para solicitar a aplicação da imunoglobulina Palivizumabe são:

– Crianças nascidas com idade gestacional menor ou igual a 28 semanas (até 28 semanas e 6 dias) com idade inferior a 1 ano (até 11 meses e 29 dias) ou

– Crianças com idade inferior a 2 anos (até 1 ano, 11 meses e 29 dias) com doença pulmonar crônica da prematuridade, displasia bronco pulmonar ou doença cardíaca congênita com repercussão hemodinâmica comprovada.

Período de aplicação

O período de fornecimento e aplicação compreende os meses de maior circulação do vírus sincicial respiratório (VSR) que, conforme estudos do Ministério da Saúde, ocorre de março a julho, no Centro-Oeste brasileiro. A responsável técnica Susi Nayara da Costa explica que como o objetivo do medicamento é prevenir o surgimento de doenças respiratórios como, por exemplo, a bronquiolite, o início da aplicação se dá um mês antes da sazonalidade, ou seja, em fevereiro. “Durante esses meses de fevereiro a julho, podem surgir processos. E cada criança pode receber até cinco aplicações”, explica.

Para solicitar o medicamento Palivizumabe referente à sazonalidade citada, o responsável pela criança precisa apresentar cópia da certidão de nascimento, do cartão SUS e do comprovante de residência; receita médica emitida no prazo de até 180 dias, a partir de janeiro de 2021; além de relatórios médicos especificando a necessidade do uso dessa medicação. 

No caso de pacientes prematuros, é necessário ainda anexar cópia do relatório da alta hospitalar. 

No caso de pacientes com doença cardíaca congênita com repercussão hemodinâmica comprovada, é preciso anexar, além dos documentos pessoais e da receita médica, a cópia do relatório médico com a descrição da cardiopatia, o grau da hipertensão pulmonar e os medicamentos utilizados, também cópia do laudo do ecocardiograma do último ano. 

Todos os solicitantes devem entregar formulário próprio do Palivizumabe preenchido pelo médico assistente solicitante (anexo I, II e III), disponível no site www.saude.mt.gov.br/informe/623. Os documentos devem ser entregues à responsável técnica de Saúde da Criança, Susi Nayara da Costa, na sede da Secretaria Municipal de Saúde, de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h ou das 14h às 18h. Por questão de biossegurança, pede-se que a pessoa ligue antes para agendar a entrega, pelos telefones: 3617-7309/7364.

Palivizumabe

De acordo com a Sociedade Brasileira de Imunizações (SBIm), o Palivizumabe não é uma vacina, mas uma imunoglobulina – um tipo de anticorpo “pronto”, elaborado por técnica de engenharia genética – que induz imunização passiva específica contra o vírus sincicial respiratório (VSR). Atualmente, é a única forma disponível para a prevenção de quadros graves de infecções respiratórias em lactentes, como a bronquiolite e, principalmente, pneumonias. 

Propaganda

Momento +

Várzea Grande abre inscrição para 60 anos depois de vacinar 6,5 mil pessoas nos últimos dias

Publicados

em


Após superar 6,5 mil vacinados em seis dias da semana passada, Várzea Grande se prepara para abrir as pré-inscrições a partir de 22 horas desta segunda-feira, 12 de abril de 2021, no site oficial do município (www.varzeagrande.mt.gov.br) na ABA IMUNIZAÇÃO VÁRZEA GRANDE – CADASTRO PARA VACINA COVID 19 e quer dobrar o número de vacinados com os dois novos pontos de vacinação a serem abertos no Parque Berneck e no Jardim Marajoara em parceria com a Assembleia Legislativa de Mato Grosso.

Fora isto, no último sábado, durante a vacinação no Centro Universitário Várzea Grande (UNIVAG), quando foram aplicadas 2.200 doses, no encerramento dos trabalhos sobraram 11 vacinas de primeira dose e 9 de segunda dose que foram aplicadas em pessoas previamente cadastradas para serem vacinadas no decorrer da semana e foram antecipadas para não se perder as doses, pois uma vez aberto o frasco contendo 10 doses ele deve ser em determinado prazo utilizado em sua totalidade.

Também foram vacinados nos últimos dias sem tumulto e de forma natural os profissionais das Forças de Segurança Pública, como Guarda Municipal de Várzea Grande, Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros e Trabalhadores do Sistema Penitenciário. Todos eles foram considerados pelo Ministério da Saúde como prioritários no Plano Nacional de Imunização – PNI.

A previsão inicial é de que a vacinação desta terça, quarta, quinta e sexta-feira, encerre a faixa etária de 65 anos acima para que no próximo final de semana Várzea Grande já inicie a vacinação para aqueles com 60 anos ou mais.

“Estamos colhendo os resultados de um árduo trabalho de todo o pessoal da Saúde Pública e de parceiros que tem se dedicado, se desdobrado e o resultado é recompensador, pois podemos atender a milhares de várzea-grandenses ou moradores de nossa cidade”, disse o prefeito Kalil Baracat.

A Secretaria de Saúde reafirmou novamente que mesmo abrindo novas faixas etárias, os que por algum motivo perderam sua vacina ou tiveram problemas que impediram a mesma, não precisam se preocupar, pois as doses estarão a disposição até que sejam aplicadas.

Com a abertura do pré-cadastro, idosos a partir de 60 anos podem se cadastrar para se vacinar contra a covid-19, no site da prefeitura de Várzea Grande. Após realizar o cadastro, os funcionários da Saúde irão agendar as datas e horários de imunização de todas as pessoas. O local será conforme a opção no cadastro. A previsão é iniciar no sábado (17 de abril), onde serão vacinados cerca de cinco mil idosos deste novo público-alvo no Centro Universitário UNIVAG – Clínicas Médicas em ponto fixo ou drive thru e no Parque Ambiental Bernardo Berneck, mais conhecido como ‘Parque Berneck’, somente em sistema drive trhu.

Conforme explica a superintendente de Vigilância em Saúde, Relva Cristina, este novo público-alvo, de 60 anos acima, possui muitos moradores na cidade, por isso a vacinação será iniciada no sábado (17) e reservada à próxima semana inteira para fechar esta faixa etária.

“Nosso planejamento para esta semana é dar continuidade a vacinação da faixa etária de 65 anos acima, retomando nesta terça-feira, 13 de março e indo até sexta-feira. A vacinação acontece no Ginásio Poliesportivo Fiotão, para os idosos de 65 anos acima, já agendados e confirmados. No dia 14 quarta –feira , também será no Fiotão. No dia 15 – quinta-feira – segunda dose – no Centro Universitário UNIVAG e na sexta-feira (16 de abril) no “Fiotão”. Temos 4 mil idosos cadastrados para concluirmos esta faixa etária de 65 anos acima”, explicou Relva Cristina.

O secretário Municipal de Saúde, Gonçalo de Barros disse que o planejamento de vacinação de Várzea Grande é feito com pé no chão, com avanços e possibilitando abertura de novos pontos conforme as necessidades e facilidade para a população.

“As vacinas chegando, nós vamos aplicando. Essa é a ordem do prefeito Kalil Baracat imunizar o maior número possível para criar a imunidade de rebanho. Com a rapidez que a pandemia avança, gostaríamos de ter vacinado muito mais, porém estamos condicionados à distribuição de doses por parte do Ministério da Saúde e Estado. Até o momento, temos conseguido vacinar em um curto período, o que demonstra a união e dedicação de nossos servidores e parceiros na imunização da nossa população”, ressalta. 

CADASTRO:

Para se cadastrar é necessário entrar no portal de notícias da prefeitura de Várzea Grande pelo endereço eletrônico  www.varzeagrande.mt.gov.br na aba IMUNIZAÇÃO VÁRZEA GRANDE – CADASTRO PARA VACINA COVID 19, prestar atenção ao confirmar a inscrição e depois aguardar confirmação posterior, com data, local e hora por ligação telefônica feita pelas equipes da Vigilância em Saúde ou através de e-mail e SMS em celular informado. Só serão vacinados aqueles que tiverem a confirmação. No momento da vacinação os atendidos devem se apresentar munidos de documentos originais com foto, cartão do SUS e comprovante de domicílio de Várzea Grande. As pessoas cadastradas devem comparecer no horário agendado para não haver tumulto nos locais de vacinação.

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA