Mato Grosso

Politec se reúne com parceiros para a definição de calendário de ações de cidadania

Publicado

As etapas que envolvem desde o atendimento para a solicitação do documento de identidade e todo o processamento até a sua emissão, foram apresentadas pela Perícia Oficial e Identificação Técnica a dez instituições parceiras que realizam mutirões de cidadania e que solicitam o serviço de identificação civil durante os eventos.

O workshop foi realizado na terça-feira (19.11), e teve como objetivo discutir sobre o planejamento de ações de cidadania para 2020, de modo a viabilizar a participação da Politec em todos os eventos promovidos pelas entidades.

Em 2019, mais de dois mil RGs foram expedidos pela Diretoria Metropolitana de Identificação Técnica durante os 51 mutirões em que a Politec participou em todos estado de Mato Grosso.

Em um deles, na aldeia Halataikwa da etnia Enawene Nawê, realizado em setembro, foram emitidos 583 RGs, entre 1ª e 2ª vias. A atuação da instituição foi elogiada pela secretária adjunta de Cidadania, Rosineide Pascionato durante o workshop.

“A solicitação do RG é o serviço mais solicitado durante as ações de cidadania promovidas pela Secretaria. Durante o mutirão na aldeia Halataikwa, que era uma demanda reprimida, a Politec teve muita boa vontade em nos atender, com a participação de uma equipe completamente dedicada. Recentemente enviamos quatro servidores para a um treinamento junto à Politec e nos comprometemos a enviar a nossa programação dos mutirões para mantermos esse serviço nas nossas ações”, comentou a secretária.

Durante a reunião, o Diretor Metropolitano de Identificação Técnica, Ailton Silva Machado, apresentou o panorama de evolução histórica com a expansão dos atendimentos da Politec no interior do Estado através das parcerias com prefeituras e órgãos públicos. Também citou o processo de modernização do serviço de emissão de RGs, com o advento do novo padrão nacional de documento de identidade, e com a implantação dos kits de captura biométrica em substituição ao processo manual de coleta de impressões digitais com tinta, dentre outros aspectos.

Leia mais:  Alunos simulam partidos políticos e agitam comunidade com propostas

O serviço de identificação completará 100 anos em 2021 e remonta à origem da Politec, com a criação, em 1921, do Gabinete de Identificação e Estatística Criminal. Nos últimos cinco anos a instituição já contabiliza mais de 1 milhão de pessoas atendidas com o serviço de emissão de RGs no estado.

“Quando se distribui o atendimento em quase todos os municípios, a Politec tem feito chegar em cada rincão desse Estado o acesso ao serviço de emissão do RG, mesmo que de forma tímida e principalmente com o auxílio dos municípios credenciados, garantindo “cidadania”. Os termos de cooperações foram formalizados por meio de contratos com os municípios, parceiros nossos, e que sem eles não conseguiríamos. Sem esquecer da modernização implantada nos sistemas de identificação a qual propiciou, mesmo com a redução no quadro de pessoal, a manutenção dos processos em dia, mesmo diante do aumento da demanda’’, analisou o diretor.

Outra parceria que tem se consolidado nos últimos anos são os termos de cooperação técnica com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), por meio dos Mutirões Rurais. Conforme o coordenador da Equipe de Supervisão da Senar, Marcos Medeiros, a Politec esteve presente em 32 eventos do Mutirão Rural em 2019, com a emissão de quase 1.000 RGs. “Acredito que reuniões como essas com parceiros que atuam em levar a cidadania para os municípios do interior é de grande valia porque a gente deixa de sobrepor atividades e se cria um consenso na entrega desses produtos e serviços. A gente gostaria que as comunidades rurais, que é o foco do Senar, continuem sendo atendidas”, comentou.  

Leia mais:  MTI melhora infraestrutura de tecnologia da Arena Pantanal para o Mutirão Fiscal

Mais de 800 moradores das regiões ribeirinhas do Pantanal mato-grossense e da Região Araguaia foram atendidas em 2019 por meio de parceria com o Poder Judiciário.

“Pessoal incansável, dedicado, competente, que tem a sensibilidade de tratar com as pessoas. A população do Araguaia se sentiu abraçada pela Politec, pois eles precisam desse serviço. Posso dizer que a instituição fez a diferença ao incluir esse cidadão no mundo com a emissão do RG. Só tenho a agradecer ao Ailton e toda a equipe, por atenderem prontamente ao chamado do Poder judiciário”, definiu o juiz coordenador da Justiça Comunitária Estadual, José Antonio Bezerra Silva.

Ao final da reunião as instituições se comprometeram a encaminhar o calendário de ações que estão programadas para 2020 até o dia 15/12, para que então sejam definidos os mutirões que terão a participação da Politec.

O workshop teve a participação do Secretário de Estado de Segurança Pública, Alexandre Bustamante dos Santos, do Diretor Geral da Politec, Rubens Sadao Okada,  de representantes do Sistema Fiemt, Senar, PJC, PM, OAB, Setasc, Sesp, TJ-MT, e demais gestores da Politec.  

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
publicidade

Mato Grosso

Cerca de 7 mil pessoas visitaram a Arena Encantada na noite de estreia

Publicado

Aberto ao público para visitações na noite desta sexta-feira (06.12), o maior parque natalino que Mato Grosso já viu, a Arena Encantada, reuniu aproximadamente 7 mil pessoas na noite de estreia, de acordo com a equipe de brigadistas. As instalações interativas e atrações de Natal montadas em torno com campo do estádio de futebol, em Cuiabá, atraíram crianças, adultos e idosos. A entrada é um quilo de alimento não perecível por família.

Toda a concepção da Arena Encantada foi idealizada e coordenada pela primeira-dama Virginia Mendes, através da Unidade de Ações Sociais e Atenção à Família (Unaf), que distribuirá os alimentos arrecadados para famílias carentes ao final do período natalino.

“É a primeira vez que vejo uma decoração dessa magnitude aqui em Cuiabá”, disse empolgada a visitante Priscila Sturmer. Ao lado dos filhos e marido, ela completou: “O Governo de Mato Grosso está de parabéns por proporcionar este lindo e belo espaço às famílias. Eu acho que estava faltando esse tipo lazer aqui na Capital, principalmente no mês do Natal”.

Aberto à visitação até dia 5 de janeiro, todos os dias da semana, sempre das 18h às 23h, o parque natalino, com mais de 4 mil m² de estrutura montada, possui espaços interativos que reúnem várias atrações, como a Casa do Papai Noel, Presépio, Floresta Encantada, Vila dos Doces e Vila das Fadas e Duendes.

Leia mais:  Escola de Saúde Pública sediará Encontro de Trabalhadores

O secretário de Cultura, Esporte e Lazer, Allan Kardec, estava na estreia da Arena Encantada ao público, para acompanhar de perto a movimentação. 

“Temos um lindo e temático espaço pronto pare receber os visitantes durante todo o período de Natal. O local está muito agradável, envolto pela energia contagiante das festas natalinas. Temos papai noel, mamãe ooel, duendes e fadas circulando por todo o espaço para recepcionar as famílias. Está sendo uma noite de muito lazer, nossa expectativa é de que, com a aproximação do Natal, aumente ainda mais o número de famílias visitando esse imenso parque temático”, disse Kardec. 

A Arena Encantada faz parte das ações promovidas pelo Governo de Mato Grosso, em parceria com Assembleia Legislativa de Mato Grosso e com os apoiadores da iniciativa privada, que uniram forças para oferecer um espaço dedicado à magia do natal para os adultos, jovens e crianças.

Mais Impressões

Pela primeira vez visitando a Arena Pantanal, Carolina Lima, 12 anos, acompanhada do primo Cauã da Cruz, de 10 anos, disse que o espaço a deixou muito entusiasmada, principalmente, com a presença do Papai Noel. 

“Eu estou muito, muito feliz! Nunca tinha visitado um estádio de futebol antes. Vir aqui e encontrar com o Papai Noel foi encantador. Aproveitei para tirar muitas fotos, quero revelar algumas e também postar nas redes sociais”, comemorou a garota. 

Leia mais:  Alunos simulam partidos políticos e agitam comunidade com propostas

Cauã, por sua vez, disse que o espaço tem muitas luzes coloridas e que nunca tinha visitado um lugar tão bonito na vida. Por falar em iluminação, as luzes, cores presentes no conjunto arquitetônico do espaço deixou a visitante Isadora Coutinho espantada, no bom sentido, claro.

“Nossa, aqui é tudo muito bonito, essa iluminação é realmente muito linda, essas árvores enfeitadas, todo o encanto. Estou muito encantada, pois nunca vi uma decoração dessa aqui em Cuiabá. Foi uma grata surpresa”.

Além da decoração de Natal, foi montada uma praça de alimentação no entorno da Arena. Os visitantes podem encontrar diversas opções gastronômicas. O local conta com o apoio da Polícia Militar, que irá reforçar a segurança do evento durante todos os dias de visitação. 

Serviço

O complexo da “Arena Encantada” foi montado no estádio de futebol da Arena Pantanal que está localizado na Av. Agrícola Paes de Barros, s/n – Verdão, em Cuiabá.

Período de visitação: De 06 de dezembro a 05 de janeiro, sempre das 18h às 23h

Entrada: Um quilo de alimento não perecível por família (arroz, feijão, açúcar, café, macarrão e óleo).

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Setasc apoia municípios que executam e fortalecem serviços de bem estar à população

Publicado

A Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc-MT), por meio da Secretaria Adjunta de Assistência Social, tem trabalhado no apoio técnico e financeiro aos municípios que executam os serviços, programas, projetos e benefícios socioassistenciais. Neste sábado (07.12) a Lei Orgânica de Assistência Social, que define os objetivos, princípios e diretrizes da Política Nacional de Assistência Social, completa 26 anos, data em que se comemora o Dia Nacional da Assistência Social.

Para a secretária adjunta de Assistência Social, Leicy Victório, os 26 anos da Loas representam um avanço significativo para a garantia dos direitos sociais.

“A política da assistência social é a forma de garantirmos uma política igualitária para os cidadãos em situação de vulnerabilidade social e esse trabalho só é possível por meio dos trabalhadores, gestores municipais e estaduais, que são  determinantes para o aprimoramento dos serviços oferecidos”, ressalta.

O Sistema Único de Assistência Social (Suas) garante proteção básica e especial de média e alta complexidade, atendendo às pessoas em situação de vulnerabilidade social ou de risco social. Fazem parte destas ações do Suas os Centros de Referência de Assistência Social (Cras) e os Centros de Referência Especializado de Assistência Social (Creas), presentes nos municípios mato-grossenses, somando 537.625 famílias atendidas.

As unidades estão localizadas prioritariamente em áreas de maior vulnerabilidade social e oferecem serviços da assistência, com o objetivo de fortalecer a convivência com a família e com a comunidade. O público prioritário atendido são as famílias e indivíduos em situação grave de desproteção, pessoas com deficiência, idosos, crianças retiradas do trabalho infantil, pessoas inseridas no Cadastro Único, beneficiários do Programa Bolsa Família e do Benefício de Prestação Continuada (BPC), entre outros.

De acordo com o Relatório Informações Sociais, Mato Grosso possui atualmente 43 unidades de Creas em 42 municípios, com 339 trabalhadores. O número de Cras alcança 178 unidades.

Os Creas atendem adolescentes em cumprimento de medidas socioeducativas em meio aberto de Liberdade Assistida (LA) e Prestação de Serviço à Comunidade (PSC). As unidades têm como finalidade prover atenção socioassistencial e acompanhamento a adolescentes e jovens encaminhados pela Vara da Infância e Juventude ou, na ausência desta, pela Vara Civil correspondente ou juiz.

Outra estratégia de apoio técnico que busca o aprimoramento na gestão municipal são as visitas técnicas. As visitas técnicas têm como objetivo principal levar orientações referentes a recursos humanos, espaço físico, horário de funcionamento, atividades e ações desenvolvidas pelo “Serviço de Proteção e Atendimento Integral às Famílias (PAIF) e “Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos” (SCFV). Segundo a Superintendência de Serviços Sociassistenciais, neste ano, a equipe técnica da Setasc, avaliou a necessidade das visitas em 34 municípios do Estado.

Paralelo as visitas técnicas, a Saas segue monitorando e orientando os 141 municípios mato-grossenses na execução da política por meio dos sistemas do Suas, de forma presencial na Setasc, por telefone e e-mails e até mesmo em encontros de apoio técnico, seminários e oficinas realizadas durante o ano.

Na Educação Permanente do Suas foram realizadas cinco ações de capacitação totalizando 373 trabalhadores e gestores da Assistência Social capacitados. Em 2019, a nível de Gestão Estadual, as ações da Assistência Social pela primeira vez em 14 anos de existência do Suas, foram norteadas por um Plano Estadual de Assistência Social, elaborado pela equipe de Vigilância Socioassistencial da pasta. O diagnóstico socioterritorial de Assistência Social de Mato Grosso, também foi elaborado, subsidiando os parâmetros de elaboração do também primeiro Plano Estadual de Assistência Social.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Leia mais:  Escola de Saúde Pública sediará Encontro de Trabalhadores
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Momento MT

Momento Nacional

Momento Esportes

Momento Entretenimento

Mais Lidas da Semana