POLÍTICA MT

Atletas ainda podem se inscrever para receber auxílio financeiro mensal

Publicados

em


.

O Programa Olimpus, do Governo de Mato Grosso, que oferece auxílio financeiro mensal a atletas de diversas categorias e níveis, está com inscrições abertas até a próxima sexta-feira (04.09). Retomada por meio da Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel), a concessão de bolsa atleta abrange modalidades individuais e coletivas, e beneficia esportistas de base e de alto rendimento.

Sem incentivo desde 2017, o programa foi reformulado e ampliado em 2020. Este ano, a nova fase da bolsa abrange maior quantidade de atletas e de categorias contempladas. Os valores das bolsas também aumentaram. 

Para esportistas de alto rendimento, além da categoria Nacional, há agora a de Atleta Nacional Elite, totalizando 80 bolsas com valores mensais de R$ 900 e de R$ 1.600. Concorrem nesses dois grupos, esportistas com idade a partir de 14 anos, que tenham obtido colocações em competições nacionais e internacionais, respectivamente. 

Já para os atletas de base, foi acrescentada a categoria Base Olímpica. Assim, como na categoria Estudantil, os beneficiados serão jovens com idade entre 12 e 16 anos que participaram da etapa nacional dos Jogos Escolares da Juventude 2019. As duas categorias de incentivo aos esportistas iniciantes concederão juntas outras 160 bolsas de auxílio financeiro.  Com valores mensais de R$ 250 e R$ 600, a diferença entre as categorias é a posição alcançada por cada atleta na competição escolar brasileira. 

Leia Também:  Planejamento, fiscalização, dinheiro público bem aplicado e parcerias são receita para grandes resultados, afirma titular da Sinfra

Nesta semana, a Assembleia Legislativa de Mato Grosso aprovou ainda mais um avanço ao Olimpus. Em primeira votação, o legislativo acatou o substitutivo que garante a inclusão do auxílio a atletas-guias e técnicos esportivos. A conquista será incorporada pela Secel em uma segunda fase do programa. 

“O esporte mato-grossense está tendo a chance de viver um novo momento de grande ascensão. Para nós, da Secel, tirar esses projetos do papel é a realização de um sonho. São políticas públicas de fomento ao esporte de base e profissional. Esperamos que nossos atletas aproveitem a oportunidade e se inscrevam para receber o auxílio financeiro. O prazo está quase acabando”, relembra o secretário adjunto da Secel, Jefferson Carvalho Neves.

Os editais de chamada pública das quatro categorias contêm as disposições, critérios e relação de documentos necessárias para a inscrição.

Serviço

Bolsa Atleta 2020

Modalidades contempladas: esportes individuais e coletivos

Categorias: Atleta Nacional, Atleta Nacional Elite, Atleta Estudantil e Atleta Base Olímpica

Prazo para inscrição: 04 de setembro de 2020

Acesso aos editaiswww.esportes.mt.gov.br/editais

Leia Também:  Deputado Claudinei solicita reforma de centro comunitário em Rondonópolis

 

Fonte: GOV MT

Propaganda

POLÍTICA MT

Governador reforça pedido ao Governo Federal de aeronaves e tropas para combater incêndios

Publicados

em


.

O governador Mauro Mendes reforçou, nesta segunda-feira (21.09), o pedido de aeronaves e tropas militares da Força Nacional de Segurança Pública para auxiliar no combate aos incêndios florestais em Mato Grosso. 

O pedido foi direcionado ao ministro da Justiça e Segurança Pública, André Mendonça.

 A solicitação já havia sido feita pelo governador ao ministro na semana passada, por telefone, e foi prontamente acatada. O documento visa formalizar o pedido, que também havia sido feito pelo secretário de Estado de Segurança Pública, Alexandre Bustamante, em agosto. 

No ofício, o governador explicou que o Pantanal é um local de grande importância ecológica por abrigar muitas espécies de peixes e aves aquáticas.

“Maior planície alagável do mundo com 230.000 km², que recebeu da Unesco os títulos de Reserva da Biosfera e Patrimônio Natural da Humanidade, o Pantanal impressiona pela diversidade de fauna e flora”, afirmou. 

Mauro Mendes ressaltou que Mato Grosso tem enfrentado uma das piores ondas de incêndios dos últimos anos, atingindo cerca de 20% do pantanal mato-grossense, fato que levou o Governo do Estado a decretar a situação de emergência.

Leia Também:  Homem é preso após extraviar carga de 32 toneladas de milho em Querência

“Objetivando evitar um prejuízo ainda maior do que o já causado em nosso Estado, e ao Brasil, solicito o apoio da Força Nacional de Segurança Pública, com a disponibilização de aeronaves especializadas e profissionais qualificados para, em apoio aos que já atuam na região, auxiliem no controle dos focos de incêndio e extinção das queimadas, sob Coordenação do Comitê Multiagências de Coordenação Operacional (CIMAN/MT)”, ressaltou.

Combate aos incêndios

O Governo do Estado tem atuado forte no combate aos incêndios florestais desde março, quando foi lançado o Plano de Ação contra o Desmatamento Ilegal e Incêndios Florestais em Mato Grosso.

Já foram mais de R$ 22 milhões investidos de recursos próprios, contando com 40 equipes espalhadas por todo o estado para o combate ao fogo, seis aeronaves, três helicópteros e mais de 2500 profissionais envolvidos, desde bombeiros militares, voluntários, integrantes da Defesa Civil e do Exército.

Porém, em virtude das condições climáticas desfavoráveis, como a baixa umidade e falta de chuvas há cerca de 120 dias, o Governo de Mato Grosso tem buscado novas parcerias para minimizar os impactos do fogo para o meio ambiente e qualidade de vida do cidadão.

Leia Também:  Governador reforça pedido ao Governo Federal de aeronaves e tropas para combater incêndios

A pedido do governador, o Governo Federal garantiu o repasse de mais R$ 10 milhões e o envio de agentes das forças de segurança nacional para reforçar o combate aos incêndios.

O Governo de Mato Grosso, neste ano, já aplicou mais de R$ 190 milhões em multas por uso irregular do fogo. 

Leia a íntegra do documento:

Fonte: GOV MT

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA