POLÍTICA MT

Campanha Vem Ser Mais Solidário atende famílias carentes do Pedra 90 com cestas básicas

Publicados

em


Famílias carentes que frequentam o Templo de Umbanda Tia Mariana e Pai José de Angola do bairro Pedra 90, em Cuiabá, receberam doações da campanha “Vem Ser Mais Solidário- MT unido contra o coronavirus”. A ação, que foi realizada nesta quinta-feira (01.10), já beneficiou milhares de pessoas em Mato Grosso e tem sido liderada de forma voluntária pela primeira-dama do Estado, Virginia Mendes.

A entrega foi realizada pela equipe da Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc), coordenada pela secretária adjunta de Cidadania e Inclusão Socioprodutiva, Rosineide Porcionato, com o apoio da Polícia Militar.

“Recebemos a solicitação que as famílias dessa região estavam passando dificuldades então trouxemos as cestas básicas contendo alimentos e kits com produtos de limpeza e higiene pessoal”, pontuou Rosineide.

A mãe de santo da casa de Umbanda, Jaqueline Aparecida Alves, agradeceu a iniciativa. “Estamos muito felizes por essas doações que são muito bem-vindas. Esse trabalho é maravilhoso e é uma forma do Governo entrar em contato com a população e conhecer a realidade das famílias”, comentou.

Leia Também:  Governo de Mato Grosso vai retomar obra do Hospital Central; proposta apresentada é 20% menor que previsão

Mileide Mendes da Silva, uma das beneficiadas disse que o sentimento foi de gratidão. “Nosso bairro tem muitas famílias carentes que precisam de apoio. Temos nos unidos para ajudar uns aos outros, mas, nem sempre conseguimos atender e essa cesta vai garantir o alimento na mesa”.

Cristiane Arruda, moradora do bairro, também recebeu os donativos. “Agradeço por essa cesta. O dinheiro que eu tinha que gastar com alimento vou poder comprar outras coisas para os meus filhos”, contou.

As famílias da comunidade Rural Cinturão Verde, assistidas pela Associação dos Piscicultores Municipal de Cuiabá (Aspropeixe) e do bairro Manancial em, Várzea Grande, também receberam os mantimentos. Foram entregues mais 400 cestas básicas aos moradores.

O secretário adjunto de Assuntos Comunitários, Édio Martins de Souza e o assessor especial da Setasc, Thiago Campelo participaram das entregas. “Estamos aqui novamente cumprindo o compromisso a pedido da primeira-dama de garantir que não falte alimento na mesa dos cidadãos mato-grossenses que precisam do nosso acolhimento”, finalizou secretário adjunto.

Leia Também:  MT registra aumento de apreensões e queda de registros de tráfico e uso de entorpecentes

Fonte: GOV MT

Propaganda

POLÍTICA MT

Município de Ribeirãozinho está com risco moderado de contaminação de Covid-19 em Mato Grosso

Publicados

em


Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT) divulgou nesta quinta-feira (29.10) mais uma atualização do panorama da situação epidemiológica da Covid-19 em Mato Grosso. O Boletim Informativo n° 235 mostra (a partir da página 12) que o município de Ribeirãozinho configura na classificação com risco “moderado” para contaminação do novo coronavírus.

Os demais 140 municípios estão na classificação de risco “baixo”, indicado pela cor verde e não apresentam grandes riscos de contaminação. Nenhuma cidade de Mato Grosso foi classificada com risco “muito alto”, indicado pela cor vermelha que representa alerta máximo de contaminação.

O sistema de classificação que indica o nível de risco é definido por cores: muito alto (vermelho), alto (laranja), moderado (amarelo) e baixo (verde). De acordo com a definição dos riscos é necessária a adoção de medidas restritivas para o controle da propagação do coronavírus nas cidades. Os indicadores de classificação de risco são atualizados duas vezes por semana e os resultados são divulgados nos Boletins informativos da SES-MT.

Leia Também:  Saiba como funcionarão os serviços essenciais no feriado de finados

Veja a tabela de classificação de risco por município

 

Recomendações e cuidados

– Evitar contato próximo com pessoas que sofrem de infecções respiratórias agudas;

– Usar máscara quando sair de casa;

– Evitar aglomerações;

– Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;

– Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;

– Evitar contato próximo com pessoas doentes. Ficar em casa quando estiver doente;

– Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;

– Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

 

Fonte: GOV MT

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA