POLÍTICA MT

Comissão de Segurança Pública recebe diretor geral da Politec

Publicados

em


.

Foto: FABLICIO RODRIGUES / ALMT

Dando sequência à série de reuniões com o objetivo de ouvir representantes das forças de Segurança Pública, a Comissão de Segurança Pública e Comunitária da Assembleia Legislativa de Mato Grosso recebeu, nesta terça-feira (1), o diretor geral da Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec), Rubens Sadao Okada.

Em sua apresentação, Okada afirmou que os trabalhos desenvolvidos pela Politec são divididos basicamente nas áreas de identificação técnica, medicina legal, criminalística e laboratório forense e que a instituição está presente em Cuiabá e nos municípios de Alta Floresta, Guarantã do Norte, Sinop, Sorriso, Confresa, Água Boa, Barra do Garças, Rondonópolis, Primavera do Leste, Alto Araguaia, Pontes e Lacerda, Cáceres, Juína e Tangará da Serra. Segundo ele, a intenção é levar a Politec também para o município de Nova Mutum.

Em relação à produtividade, o diretor geral informou que em 2019 a Politec elaborou mais de 1,3 milhão de processos de identificação criminal e emitiu mais de 256 mil carteiras de identidade e 66 mil laudos periciais. Esclareceu ainda que há atualmente no estado 123 postos de identificação conveniados com prefeituras, sendo que a maioria conta com kits biométricos. Outros 13 kits doados pela Assembleia Legislativa serão distribuídos a municípios que ainda não possuem.

Leia Também:  Governo de MT asfalta 420 Km de rodovias em parcerias com prefeituras

O presidente da Comissão de Segurança, deputado Delegado Claudinei (PSL), questionou o diretor acerca da nomeação de candidatos aprovados no concurso público para os cargos de papiloscopistas e técnicos de necropsia. Em resposta, Rubens disse que o governo do estado está impedido de fazer nomeações pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), sendo autorizado apenas a repor as vagas abertas por aposentadorias, mortes ou exonerações.

“Em 2019 chamamos nove papiloscopistas e três técnicos de necropsia. Este ano estamos solicitando mais seis papiloscopistas e três técnicos de necropsia. Gostaríamos de chamar mais, mas temos esse impedimento legal”, afirmou.

Sobre o prazo para encerramento do concurso, o diretor geral informou que a contagem foi paralisada devido à pandemia do novo coronavírus (Covid-19) e também foi solicitada sua prorrogação. O diretor anunciou ainda a aquisição de equipamentos de infravermelho, que serão disponibilizados para oito regionais no interior do estado e substituirão o exame preliminar de drogas pelo exame definitivo.

O deputado Delegado Claudinei destacou a importância dos trabalhos desenvolvidos pela Politec e afirmou que a Comissão de Segurança está à disposição da instituição para auxiliar no que for necessário. “A perícia criminal é fundamental para os trabalhos da polícia e da justiça. No que precisar nós estaremos brigando sempre para fortalecer a segurança pública e a Politec. Sabemos da dificuldade do estado, mas eu vejo que, para fortalecermos a segurança pública, vai ter que ter um TAC com o Ministério Público junto ao Governo do Estado e no próximo ano vejo que precisamos ter concursos na área da segurança”, acrescentou.

Leia Também:  Projeto que tramita na AL concede desconto em IPVA para agentes da Segurança Pública de MT

Orçamento para o interior – Vereadores de Barra do Garças e Tangará da Serra encaminharam documentos pedindo o apoio da Comissão de Segurança para a construção de novos centros socioeducativos nos municípios. O deputado Claudinei afirmou que irá solicitar informações junto à Secretaria de Estado de Segurança Pública acerca do cronograma para início das obras.

“A demanda de construção desses prédios é ainda mais urgente para fortalecer a necessidade de chamamento dos candidatos aprovados para o cargo de agente de socioeducativo que estão aguardando nomeação”, frisou.

Porte de armas – Claudinei informou que irá apresentar nesta semana um projeto de lei para permitir que servidores aposentados da segurança pública possam adquirir armas de fogo com desconto para assegurar sua proteção e de sua família, em conformidade com o que prevê a Portaria nº 13.456, de 27 de agosto de 2020.

Também participaram da reunião os deputados Elizeu Nascimento (DC) e João Batista (PROS).

Fonte: ALMT

Propaganda

POLÍTICA MT

MTmamma abre Outubro Rosa em live transmitida do palco do Teatro Zulmira, nesta quarta (30)

Publicados

em


Apresentação será com alguns membros da OSUFMT, respeitando as normas de biosegurança

Foto: Karen Malagoli

Campanha em 2020 será essencialmente virtual

Foto: MÁRCIA ANDREOLA

O mês de outubro se aproxima e já vem à mente a importância do diagnóstico precoce do câncer de mama, principal defesa da campanha nacional Outubro Rosa. Para abrir as atividades, desta vez virtuais, a Associação MTmamma – Amigos do Peito promoverá uma live nesta quarta-feira (30), às 19h, com apresentação de parte da Orquestra Sinfônica da UFMT (OSUFMT).

A programação será transmitida pelas redes sociais da MTmamma Cuiabá (Facebook: @mtmamma.cuiaba e Instagram: @mtmamma_) e pelos canais do Youtube da associação e da orquestra (https://www.youtube.com/user/OrquestraUFMT).

A gente vai falar um pouco sobre os índices do câncer de mama e [sobre as ações da] MTmamma e entra a orquestra”, comenta a presidenta da MTmamma, Cleuza Dias, sobre a breve programação.

A live será gravada do palco do Teatro do Cerrado Zulmira Canavarros e toda logística está sendo fornecida pelo equipamento cultural, gerido pela Assembleia Social. “Nós providenciamos internet banda larga para a transmissão, bem como equipamentos de som e iluminação, consolidando a parceria tradicional que firmamos em prol do Outubro Rosa. E seguiremos de portas e braços abertos para iniciativas como esta”, explicou a diretora do teatro, Daniella Paula Oliveira.

Leia Também:  Deputado Claudinei conhece os trabalhos da 8ª CIBM de Pontes e Lacerda

A abertura do Outubro Rosa em Cuiabá já é tradicionalmente realizada com apresentação de orquestra. A diferença é que esta edição será pelos espaços virtuais. “Há dois anos, fazíamos este evento no Parque das Águas, com a Orquestra [da UFMT] e aberto ao público, mas, este ano, faremos nesta modalidade agora”, contextualizou Cleuza.

Além da abertura, estão previstas palestras virtuais com especialistas de saúde e do Direito, além de uma carreata de encerramento. “O tema deste ano é ‘Cuidar de si’, porque nós ficamos o ano inteiro preocupados com a pandemia e muitas mulheres deixaram de lado o serviço médico, por medo da contaminação. Esta campanha visa justamente buscar a conscientização de que as mulheres, mesmo com a pandemia, precisam se cuidar”, convida Cleuza.

Fonte: ALMT

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA