POLÍTICA MT

Espetáculo de dança Quilombo de Nanã estreia neste sábado (31)

Publicados

em


O espetáculo de dança Quilombo de Nanã estreia neste sábado (31.07), às 19h30, com apresentação presencial na comunidade onde o grupo Elementares do Quilombo nasceu, a Lagoinha de Baixo na Chácara Ouro Verde, em Chapada dos Guimarães. Serão 30 lugares, dos quais 20 serão destinados aos moradores da comunidade e 10 para o público externo.

O espetáculo é a segunda obra do grupo Elementares do Quilombo. O projeto foi contemplado no edital MT Nascentes, realizado pelo Governo de Mato Grosso por meio da Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel-MT) e teve por objetivo a montagem da obra e a continuidade da formação artística do grupo.

O grupo fará outras três apresentações. No domingo (01.08), às 20h, a apresentação será online com transmissão pelo canal Elementares do Quilombo no Youtube. No dia 07 de agosto (sábado), às 19h30, a apresentação será presencial no Espaço Aldeia Velha, em Chapada dos Guimarães. E a última apresentação será no dia 20 de agosto (domingo), às 20h, com transmissão pelo Youtube.

O espetáculo multimídia conta com direção de Oz Ferreira e coreografia de Tatiana Reis, e aborda de forma poética aspectos da diáspora africana por meio das manifestações culturais encontradas na comunidade, contemplando aspectos como danças, lutas, modos de vida, práticas religiosas, formas de organização política e suas reverberações. A pesquisa para criação da obra iniciou de forma independente em agosto de 2019.

Leia Também:  Patrulha Maria da Penha da PMMT participa de curso nacional promovido pelo Ministério da Justiça

Além da circulação do espetáculo o projeto contemplou outras duas fases: residências artísticas e ateliê de criação. As ações ocorreram concomitantemente, e parte delas virtualmente, aberta a artistas convidados. “Essas etapas foram importantes para o processo de qualificação artística do grupo, pois ajudaram a alcançar o objetivo principal, que é o resgate cultural das comunidades quilombolas”, pontua a proponente do projeto, Tatiana Reis.

O elenco é composto pelas bailarinas Tatiana Reis, Gonçalina Reis, Fabiana Cruz, Micheli Cruz e Grazielly Costa. O audiovisual que compõe a obra coreográfica foi gravado na Lagoinha de Baixo e teve apoio de moradores em sua produção, e a participação especial de Cilda Reis de Castro. Também participaram Kamilla Braz, Tarsila Rubira, Ramon Rodrigo da Costa e Camila Viana, que fizeram as residências artísticas oferecidas pelo projeto.

Elementares do Quilombo

O grupo apresenta em forma de dança as forças dos elementos da natureza: água, terra, ar e fogo. Nasceu em novembro de 2017 na comunidade quilombola Lagoinha de Baixo, com intuito de preservar a cultura e origem. Desde 2019 o grupo leva seu trabalho para outras partes de Chapada dos Guimarães, se apresentando e oferecendo oficinas de dança em escolas e eventos de comunidades vizinhas, integrando programações como festas regionais, saraus, II Mostra Gigantes de Artes Cênicas [2019], e da programação cultural municipal no Carnaval de 2020.

Leia Também:  PM realiza troca de comando do 9º Batalhão nesta quinta-feira (23)

Agenda

31/07 (sábado) – 19h30

Local: Comunidade Quilombo Lagoinha de Baixo – Chácara Ouro Verde, Chapada dos Guimarães-MT

– Ingresso: 1 Kg de alimento não perecível

– Reserva e orientações pelo Whatsapp (65) 9960-4166

01/08 (domingo) – 20h

Local: Canal do Youtube do grupo Elementares do Quilombo

– Após a exibição o grupo fará um bate papo pelo Instagram @elementaresdoquilombo

07/08 (sábado) – 19h30

Local: Espaço Aldeia Velha – Rua Guaicurus, 300 – Chapada dos Guimarães-MT

– Ingresso: 1 Kg de alimento não perecível

– Reservas e orientações pelo Whatsapp (65) 9960-4166

08/08 (domingo) – 20h

Local: Canal do Youtube do grupo Elementares do Quilombo

– Após a exibição o grupo fará um bate papo via Instagram @elementaresdoquilombo

Fonte: GOV MT

Propaganda

POLÍTICA MT

Primeira-dama de MT participa de inauguração do ‘Núcleo Florescer’ do projeto Chita & Fuxico

Publicados

em


Neste sábado (25.09) aconteceu a inauguração do segundo núcleo de produção formal do Chita & Fuxico da BPW, que tem como embaixadora do projeto a primeira-dama do Estado, Virginia Mendes. O Núcleo Florecer foi instalado no instituição Seara de Luz, no bairro Liberdade, em Cuiabá.

O objetivo do núcleo é ser um espaço que receba mulheres em situação de vulnerabilidade social, para dar qualificação a elas através da costura, tendo como principais elementos a chita e o fuxico, gerando renda as assistidas. Outro objetivo também é fazer do projeto ‘Chita & Fuxico’ uma grife regional, com projeção para o mercado da moda em nível nacional e internacional. Esse é o segundo núcleo instalado, tendo como primeiro o Núcleo Flor Ribeirinha, localizado no Quintal da Domingas no bairro São Gonçalo Beira Rio.

“É gratificante receber esse projeto e sermos prestigiadas pela primeira-dama Virginia Mendes aqui no Seara de luz. Esse projeto ampara as mulheres em situação de vulnerabilidade social. É uma oportunidade de trabalho e de qualificação profissional de “ensinar a pescar”, e é isso que a gente quer, criar maneiras para que as pessoas caminhem com as suas próprias pernas e saiam da exclusão”, contou Elione Fátima, presidente da Seara de Luz.

Leia Também:  MT Prev leva atendimento presencial a servidores da região de Cáceres

A inauguração de hoje uniu a força dos projetos Chita & Fuxico e a MT Mamma – Amigos do Peito, que já reforça a importância da Campanha Outubro Rosa 2021. Juntos, os dois projetos criaram a coleção ‘Mamma&Chita’, que traz uma edição limitada de camisetas e máscaras da campanha Outubro Rosa customizada pelas mulheres ribeirinhas assistidas pelo projeto. Essa união irá proporcionar renda em prol das pessoas em tratamento e pós-tratamento do câncer de mama e de mulheres ribeirinhas em situação de vulnerabilidade social, já que o valor arrecado na venda será dividido entre os dois projetos.

Durante a inauguração aconteceu o desfile da coleção ‘Mamma&Chita’ que mostrou a edição limitada das camisetas da MT Mamma customizadas. A primeira-dama de Mato Grosso abriu o desfile acompanhada por sua filha, Maria Luiza.

“A Virginia Mendes veio abrilhantar o nosso desfile, entrando com a sua filha Maria Luiza. Esse gesto reforça a importância dos dois projetos e fortalece as nossa ações”, disse Zilda Zompero, coordenadora da comissão de responsabilidade social da BPW.

“Estou muito feliz por fazer parte desses projetos! É a união de duas causas extremamente importantes que dá forças para as mulheres que lutam contra o câncer e também às mulheres que precisam de uma renda para manterem o seu lar. Me sinto honrada por estar aqui e poder contribuir com essas ações”, disse a primeira-dama de Mato Grosso.

Leia Também:  Botelho recebe Comenda Couto Magalhães

Para a diretora administrativa da MT Mamma, Margarete Torres é muito importante ter o apoio da primeira-dama Virginia Mendes na união desses ações. “A primeira-dama representa todas as mulheres do Estado, para nós é uma honra termos o apoio dela nesse projeto, porque ela sabe a importância da causa social e da ajuda ao próximo. É uma mulher que faz a diferença, que é voluntária e que faz realmente as coisas acontecerem. A Virginia Mendes tem o poder de sensibilizar as pessoas e isso é muito importante para as causas sociais”, ressaltou Margarete.

Fonte: GOV MT

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA