POLÍTICA MT

Gefron recupera veículos e apreende drogas e armas em Poconé e Porto Esperidião

Publicados

em


.

O Grupo Especial de Segurança na Fronteira (Gefron) recuperou veículos, apreendeu drogas, armas e prendeu cinco pessoas nesta sexta-feira (14.08). Em um dos casos, ocorrido no final da manhã em Porto Espiridião, os operadores de fronteira recuperaram um veículo Jeep Compass, roubado em Minas Gerais.

A ação se deu após patrulhamento na MT-388. Ao checarem as informações via Base do Gefron, tiveram a informação de tratar-se de um veículo roubado em outro estado.

Também em Porto Esperidião, os policiais abordaram um veículo Ônix de cor prata, com duas pessoas em atitude suspeita. Os indivíduos não portavam o documento do veículo e nem sabiam o nome do proprietário do carro.

Durante checagem na base, os militares descobriram se tratar de um carro locado que deveria ter sido entregue na cidade de Sumaré-SP. Os suspeitos foram então conduzidos à Defron de Cáceres.

Já em Poconé, em uma ação conjunta com a Força Tática do 2º Comando Regional, duas armas foram encontradas na residência de um suspeito após ele ter corrido ao avistar os militares. Os policiais fizeram a apreensão de um revólver Taurus, calibre .38, de uma carabina calibre .22 e de 14 munições de calibre .38. O suspeito foi conduzido à delegacia do município.

Leia Também:  Premiação contempla projetos inovadores na educação básica; Mato Grosso concorre com 97 inscrições

Também em Poconé, em ação conjunta com a Força Tática, os policiais apreenderam cinco porções de substância análoga à maconha, além de R$ 276 em notas trocadas, configurando tráfico doméstico.

A apreensão se deu após as equipes abordarem um veículo Ford Ka e durante as buscas o suspeito ter demonstrado nervosismo. O suspeito acabou confessando que tinha algumas porções de drogas guardadas em casa. Ele foi conduzido para a delegacia do município.

Fonte: GOV MT

Propaganda

POLÍTICA MT

Adjunta de Direitos Humanos discute política pública com representantes trans

Publicados

em


.

A equipe da Secretaria Adjunta de Direitos Humanos (SADH) da Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc) se reuniu com representantes das pessoas travestis para discutir segurança e oportunidade de trabalho no mercado formal. O encontro foi realizado na sexta-feira (18.09) atendendo ao pedido do Conselho da Juventude (Conjuv) e do Centro Estadual de Referência em Direitos Humanos (CRDH).

Na oportunidade, a secretária adjunta Salete Morockoski, ressaltou a responsabilidade do Estado para as questões que envolvam a garantia dos direitos humanos. “Solicitaram essa reunião para alinhar a política pública voltada para essa comunidade”. 

Segundo ela, uma das reivindicações é a escolaridade do público trans, com oportunidade para qualificação e inserção no mercado de trabalho formal. “Muitas estão na rua por falta de oportunidade e porque não tem qualificação suficiente para conseguir outro emprego. Com o preconceito e às vezes até sem o apoio da família, a prostituição se torna o único caminho”.  

Também foi solicitada segurança para aquelas que estão na rua. A reunião contou com a presença do representante da Polícia Militar, Bruno Bueno, e da Polícia Civil, Roberta de Arruda. A equipe da Sadh que também participaram do encontro são: a superintendente da Sadh, Josiane Lourenço da Silva; o assessor Miguel de Magalhães; o coordenador de Promoção, Cristian Fernandes; o coordenador de Proteção, Rodrigues de Amorim Souza; e a coordenadora do CRDH Cuiabá, Lucilene Alves.

Leia Também:  Deputado Claudinei alinha situação dos aprovados em concursos públicos com governo de MT

Fonte: GOV MT

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA