POLÍTICA MT

Mais de 20 pessoas são presas em dois dias de operação em Confresa e região

Publicados

em


A Operação Integrada Ordem Pública realizada em Confresa (1.180 km ao Norte de Cuiabá) e região resultou na prisão em flagrante de 10 pessoas, além do cumprimento de 11 mandados de prisões e 6 de buscas e apreensões. Também foram apagadas 88 siglas de apologia ao crime pichadas em muros da cidade. Este é o balanço final da ação das forças de segurança, realizada nesta quarta e quinta-feira (14 e 15.10).

A atuação abrangeu ainda os municípios de Vila Rica e Porto Alegre do Norte. No total, foram efetuadas 21 prisões. Ao longo dos dois dias, foram apreendidas quantias de R$ 504 e R$ 7.830 em dinheiro, quatro cadernos de anotações, quatro charutos, embalagens para preparo de drogas, 14 munições, 13 aparelhos celulares, uma porção de cocaína, uma porção de maconha, dois tabletes de maconha, um pé de maconha, duas porções pequenas de sementes.         

Sob coordenação da Adjunta de Integração Operacional da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT), participaram 115 profissionais das forças de segurança, entre integrantes da Polícia Judiciária Civil (PJC-MT), Polícia Militar (PM-MT), Corpo de Bombeiros Militar (CBM-MT), Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) e Sistema Penitenciário, por meio do Serviço de Operações Especiais (SOE).

Leia Também:  Soldado da Polícia Militar conquista medalha em campeonato nacional de Jiu Jitsu

O trabalho de investigação teve início no mês de agosto deste ano, conforme explica o delegado regional de Confresa, Marcos Leão. “Foi feito um levantamento e produção de conhecimento sobre a atuação das facções criminosas, e observamos como elas atuavam. A Secretaria de Segurança desencadeou essa operação, mostrando que não vai aceitar que organizações criminosas se desenvolvam na região e que o trabalho das forças de segurança será constante, para impedir que o crime ganhe as ruas”, frisou.

O comandante do 10º Comando Regional da PM-MT, tenente-coronel PM Wellington Rodrigues, destacou que o trabalho integrado é muito importante para fortalecer a segurança na região. “Com a atuação em sintonia de todas as instituições, o Estado demonstra sua força de forma ordenada, legal e legítima. Não vamos admitir que facções criminosas entrem em confronto com a polícia. Nós sempre prezaremos pela sensação de segurança da população, servindo e protegendo a sociedade”.

O balanço também inclui apreensão de três armas de fogo, abordagens a 135 pessoas e 78 veículos, dois termos circunstanciados lavrados e 16 atos de fiscalizações do CBM-MT. Houve ainda confronto com dois suspeitos, que atiraram contra os policiais. Na reação policial, que revidou em legítima defesa, os homens ficaram feridos, chegaram a ser socorridos, mas vieram a óbito.

Leia Também:  Secel publica editais com recursos de R$ 25 milhões da Lei Aldir Blanc

Fonte: GOV MT

Propaganda

POLÍTICA MT

Sexta-feira (30): Mato Grosso registra 143.325 casos e 3.846 óbitos por Covid-19

Publicados

em


A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde desta sexta-feira (30.10), 143.325 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 3.846 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado.

Foram notificadas 278 novas confirmações de casos de coronavírus no Estado. Dos 143.325 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 5.269 estão em isolamento domiciliar e 133.721 estão recuperados.

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 148 internações em UTIs públicas e 135 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 36,72% para UTIs adulto e em 15% para enfermarias adulto.

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (29.223), Rondonópolis (10.599), Várzea Grande (10.043), Sinop (7.104), Sorriso (6.332), Lucas do Rio Verde (5.893), Tangará da Serra (5.694), Primavera do Leste (4.939), Cáceres (3.473) e Campo Novo do Parecis (2.887).

A lista detalhada com todas as cidades que já registraram casos da Covid-19 em Mato Grosso pode ser acessada por meio do Painel Interativo da Covid-19, disponível neste link.

Leia Também:  Projeto quer criar cursinho vestibular gratuito Aprova Mato Grosso

O documento ainda aponta que um total de 115.464 amostras já foram avaliadas pelo Laboratório Central do Estado (Lacen-MT) e que, atualmente, restam 482 amostras em análise laboratorial.

Cenário nacional

Na última quinta-feira (29), o Governo Federal confirmou o total de 5.494.376 casos da Covid-19 no Brasil e 158.969 óbitos oriundos da doença. No levantamento do dia anterior, o país contabilizava 5.468.270 casos da Covid-19 no Brasil e 158.456 óbitos confirmados de pessoas infectadas pelo coronavírus.

Até o fechamento deste material, o Ministério da Saúde não divulgou os dados atualizados de sexta-feira (30).

Recomendações

Atualmente, não existe vacina para prevenir a infecção pelo novo coronavírus. A melhor maneira de prevenir a infecção é evitar ser exposto ao vírus. Os sites da SES e do Ministério da Saúde dispõem de informações oficiais acerca do novo coronavírus. A orientação é de que não sejam divulgadas informações inverídicas, pois as notícias falsas causam pânico e atrapalham a condução dos trabalhos pelos serviços de saúde.

O Ministério da Saúde orienta os cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o novo coronavírus. Entre as medidas estão:

Leia Também:  Botelho participa do lançamento do Programa Mais MT e destaca atuação da Assembleia

– Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;

– Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;

– Evitar contato próximo com pessoas doentes;

– Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;

– Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

Fonte: GOV MT

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA