POLÍTICA MT

Resolução Administrativa restabelece funcionamento regular da ALMT

Publicados

em


.

Foto: FABLICIO RODRIGUES / ALMT

Com a retomada gradual das atividades públicas e privadas na Baixada Cuiabana, o presidente em exercício, deputado João Batista do Sindspen (Pros), determinou o restabelecimento do funcionamento regular, por um período de 12 dias, das atividades administrativas internas na Assembleia Legislativa.  

O funcionamento regular começa na segunda-feira (14) e vai até sexta-feira (25) deste mês. A medida pode ser revista de acordo com as condições sanitárias de combate à Covid-19. Além dessa determinação, a Resolução Administrativa 51/2020, publicada no Diário Oficial Eletrônico da última sexta-feira (11), restabelece o desempenho das atividades presenciais dos servidores.  

Os servidores que estiverem impedidos de exercer suas atividades presencialmente, por pertencerem a grupo de risco, deverão passar por avaliação de um médico do trabalho da Supervisão da Qualidade de Vida da Assembleia Legislativa. Para isso, o servidor precisa fazer o agendamento pelo telefone 3313- 6433.  

Vale lembrar que a Qualivida continuará atendendo os servidores com casos suspeitos de Covid-19, bem como seus dependentes, aposentados e pensionistas. Os atendimentos são feitos nas segundas, quartas e nas sextas-feiras, nos períodos matutino e vespertino, no saguão do Teatro do Cerrado Zulmira Canavarros. 

Leia Também:  Avallone destina emendas para telefonia e internet móvel na região de Nobres

Nesse período de pandemia, a Qualivida já realizou mais de 600 testes para diagnóstico e acompanhamento da Covid-19, e pelo menos 62 servidores já foram atendidos pelo posto de atendimento e diagnosticados com o coronavírus. 

O novo documento mantém, por meio de plataforma digital, as atividades das reuniões da Mesa Diretora, das Lideranças Partidárias, das Comissões Permanentes e Temporárias e das audiências públicas. As sessões plenárias ordinárias acontecem às quartas-feiras (às 8h, 14h e 17 horas). Enquanto as sessões extraordinárias serão realizadas de acordo com convocações específicas. 

As sessões em Plenário ocorrerão através do Sistema de Deliberação Remota, utilizando da plataforma digital (https://zoom.us/) ou equivalente, cabendo ao parlamentar a opção pelo comparecimento presencial, ou conexão via aplicativo, devendo as proposições ser remetidas ao e-mail [email protected]

A Resolução veda o acesso do público externo nas salas das comissões permanentes. No local, a entrada é permitida ao presidente ou ao seu substituto, ao consultor e aos servidores responsáveis pelos sistemas de informática, áudio e vídeo, devendo os demais membros utilizarem, preferencialmente, a plataforma digital (https://zoom.us/) ou sistema equivalente. A divulgação das atividades será feita por meio de transmissão da TV Assembleia. 

Leia Também:  Ciretran de Nova Mutum está atendendo temporariamente em novo local

Os serviços de atendimento presencial prestados aos cidadãos no Espaço Cidadania, no Posto de Atendimento do Procon, na Defensoria Pública e no Instituto Memória do Poder Legislativo, continuam suspensos.  

A mesma determinação cabe às atividades realizadas no Teatro Zulmira Canavarros, Assembleia Social, Escola do Legislativo e as visitas guiadas na Assembleia Legislativa pelo Programa por Dentro do Parlamento. 

Outra determinação imposta pela Resolução é à volta das atividades do restaurante e lanchonete da Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso, com horário de funcionamento estendido em duas horas. A abertura é às 8 horas e o fechamento às 17 horas. O almoço começa a ser servido a partir das 11 horas e vai até as 13h30. À reabertura será mantido o protocolo sanitário de combate ao avanço da Covid-19. 

 

Fonte: ALMT

Propaganda

POLÍTICA MT

Secretário de Fazenda participa de debate sobre o risco de crise estrutural nas finanças dos estados

Publicados

em


O secretário de Fazenda, Rogério Gallo, participa nesta quarta-feira (30), como palestrante, de um webinar para debater ‘O risco de uma crise estrutural nas finanças dos Estados’, promovido pelo Foro Inteligência. Além do titular da Fazenda em Mato Grosso debaterão também os secretários Henrique Meirelles (São Paulo), Décio Padilha da Cruz (Pernambuco), Rafael Tajra Fonteles, (Piauí) e Renê Garcia (Paraná). Os secretários discutirão a implosão das finanças estaduais e o risco de a crise financeira se tornar crônica.

“Acreditamos que o convite para participarmos desse importante debate, deve-se principalmente por causa das medidas contenção de gastos, ajustes fiscal e tributário, levados à efeito desde o início da gestão do governador Mauro Mendes e que agora começam a apresentar resultados positivos”, aponta o secretário Rogério Gallo

O debate online tem início previsto para as 18h (no horário de Mato Grosso). As inscrições são gratuitas e online: https://mailchi.mp/0c46b2fda62b/lyp6wekvlo.  Até o final da tarde desta terça-feira haviam cerca de 500 inscrições. A previsão dos organizadores é alcançar mil pessoas na audiência ao vivo.

Leia Também:  Cabos elétricos do Hospital Estadual Santa Casa são furtados e polícia investiga caso

O Foro poderá ser visto ao vivo pelo Facebook e pelo Zoom, e posteriormente, no canal da Insight Inteligência no YouTube. As melhores palestras do Foro poderão ser lidas na revista Insight Inteligência.

https://www.facebook.com/events/318902762524100/

https://www.insightinteligencia.com.br/foro/

Foro Inteligência

O Foro Inteligência reúne o BRICS Policy Center e a Insight Comunicação, com o apoio do Instituto de Relações Internacionais (IRI) da PUC-Rio e da Casa de Afonso Arinos e tem como uma de suas principais propostas promover debates sobre temas mais profundos. O webinar desta quarta-feira será o primeiro a ser promovido pelo Foro.

Segundo um dos curadores do Foro Inteligência, o professor do IRI, Marcio Scalercio, entusiasta de primeira hora da iniciativa, não somente os temas serão estratégicos e pouco abordados ou com abordagem diferente, buscando não só a conexão com o exterior, mas fazer do Rio uma caixa de ressonância da produção de conhecimento país: “Vamos fazer do Rio a verdadeira capital dos debates fundamentais e multidisciplinares”.

Fonte: GOV MT

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA