POLÍTICA MT

Rodada de negócios aproxima trade turístico

Publicados

em


Agentes de turismo e empresários do setor se reuniram nesta semana para participar de rodadas de negócio online e fomentar as viagens em Mato Grosso.  De acordo com o secretário adjunto de turismo, Jefferson Moreno, a ação tem como objetivo fomentar o setor.

“Muitos mato-grossenses não conhecem o próprio Estado e com essa retomada do turismo, é provável que ocorra um desenvolvimento interno. Então, essa rodada virtual é uma das formas da Secretaria para promover mais o turismo regional, dando mais oportunidade para a população conhecer as belezas da região”, afirma.

Para que houvesse mais dinâmica entre compradores e vendedores, as reuniões foram divididas em Polo Pantanal na terça-feira (13.10) e Polo Cerrado na quarta-feira (14.10). As reuniões dos Polos Amazônia e Araguaia deverão ocorrer nos dias 27 e 28 de outubro, respectivamente.

Segundo a coordenadora de promoção da Secretaria Adjunta de Turismo, Simone Lara, são disponibilizadas cinco salas virtuais na plataforma desenvolvida pelo Serviço Brasileiro de Micro e Pequena Empresa (Sebrae). Desta forma, serão 11 vendedores e 15 compradores (agentes de viagens) que irão dialogar entre eles por cinco minutos.

Leia Também:  Vacina contra a covid-19 será distribuída para MT em janeiro, confirma governador

“Eles ficam conversando entre si nesse tempo e quando finaliza vai para outra a pessoa”, explica Simone.  

Para Glaucia Regina da Silva, representante das empresas Compassos Tour e Visite MT, não houve dificuldade com a ferramenta. “Eu me adaptei bastante com a forma on-line, então seria legal se houvesse uma alternância entre esse modelo e o presencial”.

Ela conseguiu fechar parcerias com pousadas na primeira rodada e na segunda conseguiu apresentar alguns projetos de roteiros. Além disso, acredita que foi uma grande oportunidade de ampliar seus contatos.

“Foi uma excelente oportunidade para fazer novos negócios e nos aproximarmos dos colegas. Confesso que não achei que isso fosse acontecer, mas me surpreendi”, relata.

Empresários e agentes de viagens estão recebendo convites da Seadtur para participar das rodadas de negócios e apenas quem é cadastrado no Cadastur pode ingressar nas reuniões.

Fonte: GOV MT

Propaganda

POLÍTICA MT

Quarta-feira (21): Mato Grosso registra 138.137 casos e 3.758 óbitos por Covid-19

Publicados

em


A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde desta quarta-feira (21.10), 138.137 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 3.758 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado.

Foram notificadas 850 novas confirmações de casos de coronavírus no Estado. Dos 138.137 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 14.164 estão em isolamento domiciliar e 119.661 estão recuperados.

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 182 internações em UTIs públicas e 187 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 45,50% para UTIs adulto e em 21% para enfermarias adulto.

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (27.424), Rondonópolis (10.135), Várzea Grande (9.790), Sinop (6.626), Sorriso (6.136), Lucas do Rio Verde (5.836), Tangará da Serra (5.559), Primavera do Leste (4.739), Cáceres (3.404) e Campo Novo do Parecis (2.857).

A lista detalhada com todas as cidades que já registraram casos da Covid-19 em Mato Grosso pode ser acessada por meio do Painel Interativo da Covid-19, disponível neste link.

O documento ainda aponta que um total de 110.826 amostras já foram avaliadas pelo Laboratório Central do Estado (Lacen-MT) e que, atualmente, restam 734 amostras em análise laboratorial.

Leia Também:  Deputados se reúnem com comandantes do 9° Comando Regional e 8° Batalhão da PM de Alta Floresta

Cenário nacional

Na última terça-feira (20), o Governo Federal confirmou o total de 5.273.954 casos da Covid-19 no Brasil e 154.837 óbitos oriundos da doença. No levantamento do dia anterior, o país contabilizava 5.235.344 casos da Covid-19 no Brasil e 153.905 óbitos confirmados de pessoas infectadas pelo coronavírus.

Até o fechamento deste material, o Ministério da Saúde não divulgou os dados atualizados de quarta-feira (21).

Recomendações

Atualmente, não existe vacina para prevenir a infecção pelo novo coronavírus. A melhor maneira de prevenir a infecção é evitar ser exposto ao vírus. Os sites da SES e do Ministério da Saúde dispõem de informações oficiais acerca do novo coronavírus. A orientação é de que não sejam divulgadas informações inverídicas, pois as notícias falsas causam pânico e atrapalham a condução dos trabalhos pelos serviços de saúde.

O Ministério da Saúde orienta os cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o novo coronavírus. Entre as medidas estão:

– Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;

Leia Também:  Governador defende que evento se traduza em resultados efetivos ao cidadão

– Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;

– Evitar contato próximo com pessoas doentes;

– Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;

– Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

Fonte: GOV MT

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA