POLÍTICA MT

Seplag melhora gestão e executa 100% dos planos de providências em 2019

Publicados

em


.

Todos os planos de providências e controle interno elaborados pela Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag) com o intuito de cumprir as recomendações feitas pela Controladoria Geral do Estado em trabalhos de auditoria foram cumpridos em sua integralidade em 2019. As informações constam no relatório de monitoramento nº 18/2019 divulgado pela CGE esta semana.

Das 66 recomendações expedidas pela CGE nos anos de 2017 e 2018, 65 foram sanadas em sua integralidade em 2019 e apenas uma foi considerada não aplicável em decorrência de mudanças de condições ou de superveniência dos fatos. As providências adotadas são relativas às mais diversas áreas administrativas, como pessoal, contratações, financeiro, contabilidade, patrimônio etc.

Para se ter uma ideia da melhoria de gestão na pasta, em 2018 a secretaria cumpriu apenas 33% das recomendações de auditoria feitas pelo órgão de controle interno do Estado, um aumento de 67% em relação ao ano anterior.

O titular da Secretaria, Basílio Bezerra, atribui esse expressivo grau de saneamento dos apontamentos ao comprometimento, adesão, empenho e engajamento de toda equipe.

Leia Também:  Mais três pessoas são presas pelo homicídio do advogado em Juara; entre elas irmãos apontados como mandantes

“Temos feito uma gestão focada em resultados e esse relatório demonstra que nossa equipe está engajada no aperfeiçoamento da gestão pública demonstrando resultados positivos e mostrando que sempre é possível melhorar”.

De acordo com a CGE, o desempenho da Seplag ficou bem acima da média geral do Estado, que foi de 58,91%. Além da Seplag, atingiram 100% a Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc), Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (Seciteci) o Instituto de Terras (Intermat), além do Departamento Estadual de Trânsito (Detran), que atendeu 95,14% das recomendações da Controladoria.

O secretário-controlador geral do Estado, Emerson Hideki Hayashida, elogiou a atuação da Secretaria. “A disposição do gestor em aderir às recomendações do órgão de controle interno (CGE-MT), por meio da elaboração e implementação efetiva dos planos de providências, demonstra seriedade e responsabilidade na gestão dos recursos públicos e na prestação dos serviços à sociedade”.

 

Fonte: GOV MT

Propaganda

POLÍTICA MT

Sábado (19): Mato Grosso registra 112.817 casos e 3.262 óbitos por Covid-19

Publicados

em


.

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde deste sábado (19.09), 112.817 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 3.262 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado.

Foram notificadas 617 novas confirmações de casos de coronavírus no Estado. Dos 112.817 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 15.756 estão em isolamento domiciliar e 93.026 estão recuperados.

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 252 internações em UTIs públicas e 272 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 60% para UTIs adulto e em 31% para enfermarias adulto.

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19, estão: Cuiabá (22.326), Várzea Grande (8.423), Rondonópolis (7.933), Lucas do Rio Verde (5.237), Sorriso (4.820), Tangará da Serra (4.635), Sinop (4.549), Primavera do Leste (3.654), Campo Novo do Parecis (2.553) e Cáceres (2.355).

A lista detalhada com todas as cidades que já registraram casos da Covid-19 em Mato Grosso pode ser acessada por meio do Painel Interativo da Covid-19, disponível neste link.

Leia Também:  PM reforça patrulhamento rural com o fim do vazio sanitário da soja em Mato Grosso

O documento ainda aponta que um total de 91.064 amostras já foram avaliadas pelo Laboratório Central do Estado (Lacen-MT) e que, atualmente, restam 974 amostras em análise laboratorial.

Cenário nacional

Na última sexta-feira (18), o Governo Federal confirmou o total de 4.495.183 casos da Covid-19 no Brasil e 135.793 óbitos oriundos da doença. No levantamento do dia anterior, o país contabilizava 134.935 óbitos e 4.455.386 casos confirmados de pessoas infectadas pelo coronavírus.

Até o fechamento deste material, o Ministério da Saúde não divulgou os dados atualizados de sábado (19).

Recomendações

Atualmente, não existe vacina para prevenir a infecção pelo novo coronavírus. A melhor maneira de prevenir a infecção é evitar ser exposto ao vírus. Os sites da SES e do Ministério da Saúde dispõem de informações oficiais acerca do novo coronavírus. A orientação é de que não sejam divulgadas informações inverídicas, pois as notícias falsas causam pânico e atrapalham a condução dos trabalhos pelos serviços de saúde.

O Ministério da Saúde orienta os cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o novo coronavírus. Entre as medidas estão:

Leia Também:  Polícia Civil apura desmatamento com derrubada de castanheira no Norte de MT

– Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;

– Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;

– Evitar contato próximo com pessoas doentes;

– Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;

– Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

Fonte: GOV MT

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA