POLÍTICA NACIONAL

Alvaro Dias: Reforma tributária é necessária para impulsionar economia

Publicados

em


Em pronunciamento nesta quinta-feira (16), o senador Alvaro Dias (Podemos-PR) disse que o Brasil precisa de reformas estruturantes para alavancar a economia — e que precisa, principalmente, de uma reforma tributária. Ele argumentou que isso é imprescindível para o país se aproximar de sistemas mais avançados adotados em outros países.

O Senado vem se debruçando sobre uma proposta de reforma tributária modernizadora, simplificadora, que certamente levaria a economia nacional ao crescimento — afirmou.

Ao criticar o governo de Jair Bolsonaro, Alvaro Dias declarou que, após as eleições de 2018, esperava que o Brasil passaria por uma fase de reformas, mas isso não aconteceu. Para o senador, o debate político atual não está focado nas questões relevantes para o país.

— A indagação que não pode faltar nesta hora é: por que o Poder Executivo não encaminha seu projeto de reforma tributária ao Congresso Nacional? Por que o Poder Executivo coloca dificuldades para a aprovação de uma reforma tributária? Nós sabemos que é difícil a convergência, é difícil o consenso, mas há que se deliberar sobre a mudança do sistema tributário brasileiro, que está ultrapassado e é um impedimento ao crescimento econômico. 

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Leia Também:  Comissões debatem inclusão de perguntas sobre autismo no Censo Demográfico

Propaganda

POLÍTICA NACIONAL

Allan dos Santos dribla bloqueio de Moraes e segue nas redes sociais

Publicados

em


source
Blogueiro bolsonarista Allan dos Santos
Alessandro Dantas/PT no Senado

Blogueiro bolsonarista Allan dos Santos

O blogueiro bolsonarista Allan dos Santos, do Terça Livre, alvo de bloqueios do Twitter, do YouTube e do Instagram após decisões do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), tem driblado essas punições, segundo apurou a coluna Painel, da Folha de S.Paulo .

O conteúdo do Terça Livre, chamado de TL entre os bolsonaristas, era reproduzido na última sexta-feira (15) pelo canal de YouTube Artigo 220, com 52 mil inscritos. Em um dos programas, o apresentados disse que “o TL está ativo”, se referindo ao canal de Allan dos Santos bloqueado pela justiça.

“Conforme noticiamos, o canal Terça Livre TV cedeu os direitos para o Artigo 220, após ser censurado pela terceira vez”, diz o site do Terça Livre. Allan dos Santos também chegou a ter um novo perfil no Twitter, que já foi bloqueado.

As ‘manobras’ do blogueiro ferem as decisões judiciais de Alexandre de Moraes de derrubar os perfis de Allan dos Santos nas redes sociais.

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA