POLÍTICA NACIONAL

Eduardo Braga e Wellington Fagundes estão com covid-19

Publicados

em


Os senadores Wellington Fagundes (PL-MT) e Eduardo Braga (MDB-AM) informaram neste domingo (11) que tiveram resultado positivo para covid-19. Os dois estão com sintomas leves da doença.

Eduardo Braga anunciou o resultado positivo por meio de suas redes sociais. Segundo o senador, ele se contaminou apesar de todos os cuidados tomados desde o início da pandemia

“Graças a Deus, os sintomas têm sido leves e não comprometem meu estado geral de saúde”, disse.

O senador, que é relator da indicação de Kassio Nunes Marques ao Supremo Tribunal Federal (MSF 59/2020), afirmou ainda que, a princípio, está mantida a entrega de seu parecer para a próxima quarta-feira (14). 

Já Wellington Fagundes, por meio de nota da assessoria, avisou que encontra-se em Brasília, onde cumprirá a quarentena. Ele preside a comissão temporária externa criada para acompanhar as ações de enfrentamento aos incêndios no Pantanal. A comissão tem audiência pública marcada para esta terça-feira (13), quando deverá ser ouvido o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles.

Leia Também:  Proposta institui leilão reverso para baixar juros das instituições financeiras

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Propaganda

POLÍTICA NACIONAL

‘No Brasil, cloroquina tem 100% de cura’, diz Bolsonaro a franceses; veja

Publicados

em


source
bolsonaro
Agência Brasil

Presidente Jair Bolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) voltou a defender e recomendar o uso da cloroquina para o tratamento da Covid-19. Desta vez, ele respondeu a um grupo de franceses que se reuniu na frente do Palácio da Alvorada.  O remédio ainda não tem comprovação científica de que faz algum efeito contra a doença.

“No Brasil, tomando a cloroquina, no início dos sintomas, 100% de cura”, disse o presidente, que também afirmou desconhecer a situação atual do remédio na França. “Eu sei que alguns cientistas franceses investiram na cloroquina lá atrás. Não sei como está a França no momento reagindo a essa pandemia, se usa cloroquina ou não”, acrescentou.

Veja o vídeo a seguir: 

Leia Também:  Projeto autoriza penhora de sites para pagamento de dívida

Contexto 

O governo da França chegou a proibir o uso da hidroxicloroquina para tratar a Covid-19 nos hospitais, depois que dois órgãos responsáveis pela saúde pública no país se declararam contrários à utilização da substância.

O medicamento ainda não tem comprovação científica de que é efetivo no tratamento da doença causada pelo novo coronavírus (Sars-Cov-2). Um estudo recente, com quase 100 mil pacientes com Covid-19, descartou que a cloroquina e a hidroxicloroquina são eficazes contra a doença, enfatizando que os dois medicamentos aumentam o risco de morte.

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA