POLÍTICA NACIONAL

Esposa de Moro discute com bolsonarista e diz que quem defende político é otário

Publicados

em


source
moro
Reprodução

Rosangela Moro e Sergio Moro


Rosangela Moro, esposa do ex-ministro da Justiça e Segurança Pública Sergio Moro , usou a sua rede social para discutir com seguidores bolsonaristas na madrugada do sábado (10).


A esposa de Moro publicou uma foto usando máscara no Instagram com a legenda “tem gente enganando a gente”, trecho da música “Mais um vez” da banda Legião Urbana. Na legenda ela complementou: “nem aí para Bolsonaro e governo ou poder” . Rosangela disse ter perdido pessoas para a Covid-19 e afirmou ser uma pessoa normal.

Os bolsonaristas começaram a atacar Rosangela, que respondeu diversos comentários com críticas àqueles que têm ” político de estimação ” e chegou a chamar um dos opositores da família Moro de ” otário “.

“Fica aí idolat rando político? Otário!!! É você que emprega paga imposto e sustenta aquilo lá!!! ACORDA!!!”, escreveu.

Leia Também:  Vice que assume governo de SC também era denunciada; conheça Daniela Reinehr

Na manhã deste domingo (11), Rosangela Moro excluiu o seu perfil no Instagram.

Propaganda

POLÍTICA NACIONAL

“Quer que eu baixe na canetada?”, diz Bolsonaro sobre diminuir preço do arroz

Publicados

em


source
Presidente Jair Bolsonaro
Agência Brasil

Presidente Jair Bolsonaro manifestou irritação sobre possibilidade de tabelar preço

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) ficou irritado com um apoiador que pediu a ele que diminuísse o preço do arroz durante uma agenda em Cruzeiro, no Distrito Federal, neste domingo (25).

“Bolsonaro, baixa o preço do arroz, por favor. Não aguento mais”, disse o homem que abordou o presidente enquanto ele se prepararava para subir em sua moto.

“Tu quer que eu baixe na canetada? Você quer que eu tabele? Se você quer que eu tabele, eu tabelo. Mas você vai comprar lá na Venezuela”, respondeu Bolsonaro.

O homem saiu sem dizer nada. “Fala, e vai embora”, comentou o presidente diante dos demais apoiadores, seguranças e jornalistas que estavam no local.

Leia Também:  "O Estado brasileiro tem que garantir vacinas a todos", diz Rodrigo Maia

Durante a manhã de hoje, o presidente passeou de moto pelo DF com os ministros da Secretaria de Governo, general Luiz Eduardo Ramos, e da Casa Civil, general Walter Braga Neto.

No interior do mercado, Bolsonaro foi ovacionado por apoiadores e ouviu palavras em sua defesa. Na saída do local, porém, foi recepcionado com gritos de “fora Bolsonaro”.

Pressionada pela alta de preços dos alimentos e das passagens aéreas, a prévia da inflação oficial brasileira registrou em outubro sua maior alta desde 1995. Segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), o IPCA-15 (Índice de Preços ao Consumidor Amplo 15) acelerou para 0,94% no mês, após alta de 0,45% em setembro.

No ano, a inflação acumulada é de 2,31%. No acumulado de 12 meses até outubro, o índice também acelerou para alta de 3,52%, vindo de 2,65% em setembro.

O grupo de alimentação e bebidas subiu 2,24% na prévia da inflação de outubro, alta puxada pelos alimentos consumidos em domicílio (2,95%). Entre os alimentos, os principais destaques foram óleo de soja (22,34%), arroz (18,48%), tomate (14,25%), leite longa vida (4,26%) e carnes (4,83%).

Leia Também:  Proposta prevê indenização e pensão vitalícia para familiares de brigadistas

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA