POLÍTICA NACIONAL

Senadores cobram da Câmara análise da suspensão do pagamento de consignados

Publicados

em


.

Um grupo de senadores voltou a cobrar da Câmara dos Deputados a votação do projeto que suspende o pagamento do crédito consignado durante a pandemia. Aprovada em 18 de junho pelo Plenário do Senado, o PL 1.328/2020, do senador Otto Alencar (PSD-BA), adia para o final do contrato a quitação dessas parcelas sem a cobrança de juros e a inscrição do nome do cliente em cadastros de inadimplentes. As informações são da repórter Hérica Christian, da Rádio Senado.

Leia Também:  CCJ aprova três indicações para o Superior Tribunal Militar; nomes vão ao Plenário
Propaganda

POLÍTICA NACIONAL

Davi Alcolumbre espera novo esforço concentrado nas próximas semanas

Publicados

em


.

O presidente do Senado, Davi Alcolumbre, avaliou positivamente nesta terça-feira (22) o retorno das atividades presenciais na Casa nesta semana, por meio de um esforço concentrado com sabatinas e votações de autoridades. As atividades estavam suspensas desde o início da calamidade pública provocado pela pandemia de covid-19. Ele saudou a cautela dos senadores diante da necessidade de segurança, e espera que nas próximas semanas já seja possível agendar um novo esforço concentrado.

— Acho que há a possibilidade de nós retomarmos as atividades, com toda segurança e tranquilidade, porque nós estabelecemos um protocolo. A gente construiu isso, a gente tentou outras vezes retornar às sessões presenciais, mas, com a pandemia, o índice de contaminação e a situação de Brasília, os senadores, com razão, pediram sempre paciência e serenidade para a gente retornar — disse.

Ao destacar o número de embaixadores sabatinados (mais de 30), Davi afirmou que o Senado precisava dar uma resposta à questão internacional das vagas a serem preenchidas nas embaixadas brasileiras em outros países.

— Esta é uma semana de esforço concentrado que vai valer nessas relações internacionais, e é também uma retomada gradual das votações do Senado. Acho que, dependendo do andamento desta semana, que estou muito esperançoso que vai dar muito certo, a gente pode novamente marcar, para daqui a vinte ou trinta dias, outro esforço concentrado — avaliou.

Leia Também:  Senadores cobram participação do governo em defesa do Pantanal

Bolsonaro na ONU

Davi Alcolumbre não comentou o discurso do presidente Jair Bolsonaro na abertura da Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU), mas declarou que o Parlamento brasileiro tem dado sua resposta à questão da proteção das florestas por meio da legislação brasileira.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA