Momento Saúde

Região Metropolitana do Rio tem 91% dos casos de coronavírus do estado

Publicado


.

Os casos confirmados no estado do Rio estão concentrados na Região Metropolitana do Rio, que registra 91,6% do total. Dos 1.688 casos divulgados pela Secretaria de Estado de Saúde (SES) nesta terça-feira (7), 1.531 estão nessa região, que engloba a capital, Niterói, São Gonçalo e a Baixada Fluminense.

As demais regiões apresentam índices bem menores de contaminação pelo covid-19. A que tem o maior número de casos é a região do Médio Paraíba, com 78 casos, o que representa 4,6% do total do estado. Um dos motivos é a cidade de Volta Redonda, polo siderúrgico, que sozinha tem 58 casos.

A terceira região com maior número de casos confirmados é a Serrana, que registra 38 casos, ou 2,25% do total. Desses, 20 casos estão na cidade de Petrópolis, 7 em Teresópolis e mais 7 em Nova Friburgo.

As demais regiões têm índices abaixo de 1% sobre o total do estado, com destaque para a Baixada Litorânea, com 15 casos, ou 0,88%. A região norte, onde estão os municípios de Campos dos Goytacazes e Macaé, polos de extração de petróleo, registra 10 casos, ou 0,59%.

As demais regiões têm índices ainda menores, como Baía da Ilha Grande, onde estão Angra dos Reis e Paraty, com 6 casos, ou 0,35%; Centro Sul, com 6 casos, 0,35%; e Noroeste, com 3 casos, ou 0,17% do total do estado.

Nas 30 cidades onde não foram registrados casos de covid-19, o governador Wilson Witzel publicou decreto suspendendo o isolamento interno, permitindo à população se locomover livremente dentro do município e a abertura normal do comércio.

Porém, o número de municípios atingidos pelo coronavírus vem aumentando a cada semana, tornando impossível dizer que qualquer cidade estará livre da contaminação. Na divulgação desta terça-feira, o estado registrou 1.688 casos distribuídos em 48 municípios. Pouco mais de uma semana atrás, no boletim de 30 de março da SES, eram 657 casos, em 24 municípios. Na semana anterior, eram 233 casos, em sete municípios. No boletim de 16 de março, o estado registrava 31 casos também em sete municípios.

Edição: Fábio Massalli

Fonte: EBC Saúde

Comentários Facebook
publicidade

Momento Saúde

Covid-19: pessoas com sintomas devem procurar atendimento imediato

Publicado


.

O secretário executivo do Ministério da Saúde, Élcio Franco, reafirmou hoje (9), durante a apresentação de dados sobre a distribuição de equipamentos de proteção individual (EPIs) e insumos para o combate ao novo coronavírus, que pessoas que apresentarem sintomas – mesmo que leves – de infecção por covid-19 devem procurar atendimento médico o mais rápido possível. 

De acordo com o secretário, a orientação é uma ajuste na campanha feita pelo Ministério da Saúde, que recomendava que pacientes leves “ficassem em casa”. “Percebemos que, ao aguardar em casa, muitos chegam ao hospital em situação mais agravada, e evoluem para quadros graves – com necessidade de UTI [unidade de tratamento intensivo] – muito rapidamente. Esta nova diretriz procura evitar mortes relacionadas à doença”, afirmou.

Franco argumentou que há evidências sobre os efeitos positivos da administração de oxigênio durante as fases iniciais da infecção. Segundo ele, o Sistema Único de Saúde (SUS) está preparado para receber todos os pacientes com sintomas leves, e deve reforçar ainda mais o serviço de atenção primária nas próximas semanas.

O secretário salientou, ainda, que a busca imediata por atendimento médico deve reduzir a taxa de ocupação das UTIs em todo o Brasil. “Nós temos a convicção de que o tratamento precoce vai evitar a sobrecarga das estruturas dos hospitais, tanto privados quanto do SUS, e dessa forma vamos prestar o melhor atendimento à população. Vamos salvar mais vidas”, afirmou o secretário.

Edição: Bruna Saniele

Fonte: EBC Saúde

Comentários Facebook
Continue lendo

Momento Saúde

 Rio tem mais de 11 mil mortes e 128 mil infectados pela covid-19

Publicado


.

O estado do Rio do Janeiro registrou 145 óbitos por covid-19, nas 24 horas entre o boletim divulgado ontem (8) e o de hoje. De acordo com a Secretaria de Estado de Saúde do Rio de Janeiro, desde o início da pandemia até esta quinta-feira (9) foram registrados 11.115 óbitos pelo novo coronavírus no estado e 128.324 casos confirmados da doença. Há ainda 998 óbitos em investigação. Entre os casos confirmados, 106.678 pacientes se recuperaram da doença.

Óbitos

Dos 11.115 mortos de covid-19 no estado, o município do Rio de Janeiro tem o maior número de mortos pela doença, 7.178 vítimas. Em seguida,  vem São Gonçalo ( 493); Duque de Caxias (468); Nova Iguaçu (361); São João de Meriti (248); Niterói (234); Belford Roxo (186); Magé (140); Itaboraí (135); Campos dos Goytacazes (126); Mesquita  (112); Petrópolis (98);  Angra dos Reis e Macaé ( 89) estão entre as cidades com maior número de mortes.

Infectados

Entre os infectados pela covid-19 no estado, a cidade do Rio de Janeiro lidera com 63.396 casos confirmados da doença. Depois vem Niterói (6.969); São Gonçalo (6.020); Nova Iguaçu (3.589); Duque de Caxias (3.506); Macaé (3.186); Itaboraí (2.738); Angra dos Reis (2.427); Campos dos Goytacazes (2.141);  Volta Redonda (2.090); São João de Meriti (1.826); Queimados (1.820); Magé (1.783); Itaguaí (1.649);  Belford Roxo (1.576) e Maricá ( 1.509), estão entre os municípios com maior número de infectados.

Informações

Para mais informações, acesse o painel de monitoramento de casos no estado do Rio de Janeiro em painel.saude.rj.gov.br.

Edição: Aline Leal

Fonte: EBC Saúde

Comentários Facebook
Continue lendo

Momento MT

Momento Nacional

Momento Esportes

Momento Entretenimento

Mais Lidas da Semana