Momento Economia

Servidores públicos com salários de até R$ 27 mil recebiam Bolsa Família

Publicado

source
bolsa familia arrow-options
Divulgação/Caixa Econômica Federal
Servidores públicos com salários de até R$ 27 mil recebiam Bolsa Família em 2019, segundo a CGU

No ano passado, 248 famílias de servidores do Governo do Distrito Federal foram parte da lista de beneficiários do programa Bolsa Família, mesmo com renda per capita muito acima da máxima estabelecida, R$ 499, de acordo com uma auditoria da Controladoria-Geral da União (CGU).

Leia também: Pente-fino do Bolsa Família? Benefícios com fraudes podem somar R$ 5,8 milhões

Uma família com renda mensal por pessoa de R$ 27,1 mil chegou a ser contemplada, segundo aponta a auditoria. O valor é 54 vezes maior do que o teto para inclusão no Bolsa Família e em outros programas sociais do governo federal, por meio do Cadastro Único (CadÚnico).

A CGU listou, a partir dos dados obtidos, as cinco famílias com maior renda mensal por pessoa que receberam Bolsa Família em 2019. Os dados são referentes aos meses de fevereiro e março desse ano.

Em todos os casos listados, a renda familiar per capita mensal supera os R$ 6 mil. Em segundo lugar, aparece uma família composta por um membro, que declarou não ter renda ao CadÚnico, com remuneração mensal de R$ 8.314.

Dentre as 248 famílias com ganhos incompatíveis com o programa social , 19 tiveram renda mensal por pessoa que variava entre R$ 5 mil e R$ 8,5 mil; outras 63 ganhavam entre R$ 2 mil e R$ 4,6 mil per capita; e, 165, a maioria, estava na faixa entre R$ 506 e R$ 1,9 mil.

Segundo a CGU, o recebimento indevido do Bolsa Família ocorre sobretudo por falhas como desatualização no cadastro e problemas de comunicação dentro do governo. Ao G1 , o Ministério da Cidadania  disse que “trabalha em parceria com a CGU para melhorar a gestão de programas sociais, como o Bolsa Família. Todos os casos citados no relatório serão verificados e, havendo indícios de recebimento indevido, serão tomadas as medidas de cobrança para ressarcimento dos recursos ao erário”.

Quem tem, de fato, direito ao Bolsa Família?

Criado em 2004, durante o governo Lula , o Bolsa Família atende famílias pessoas extremamente vulneráveis, que se encontram em situação de extrema pobreza, com renda mensal per capita de até R$ 89, e pobreza, com renda entre R$ 89,01 e R$ 178 por mês. O valor médio referente ao benefício do mês de novembro de 2019 foi de R$ 191,08.

Leia também: Bolsonaro não cumpre promessas e enfraquece Bolsa Família para 2020

Cerca de 13 milhões de famílias são beneficiadas pelo programa de transferência de renda, que teve em 2019, pela primeira vez, o pagamento da 13ª parcela, promessa de campanha do presidente Jair Bolsonaro . Não é esperado, contudo, que o feito seja repetido neste ano, de acordo com o orçamento do Bolsa Família.

Comentários Facebook
publicidade

Momento Economia

Venda de combustíveis no Brasil cresce 2,89% em 2019

Publicado

Em 2019, 140 bilhões de litros de combustíveis foram vendidos no mercado brasileiro. O volume representa um aumento de 2,89% na comparação com 2018, quando foram comercializados 136 bilhões de litros. Os dados foram apresentados no Seminário de Avaliação do Mercado de Combustíveis realizado hoje (18), no Rio de Janeiro, pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

O maior aumento proporcional ocorreu no comércio de etanol hidratado, que subiu 16,2% em 2019. “O crescimento foi motivado, em grande parte, pelo ganho de competitividade em relação à gasolina C”, pontua a ANP em nota. 

A gasolina C é a gasolina com adição de etanol anidro vendida aos postos revendedores e em seguida ao consumidor final. Sua comercialização teve, no ano passado, retração de 0,56% na comparação com 2018. O etanol anidro (misturado à gasolina), também teve essa ligeira queda de desempenho. A redução das vendas foi igualmente de 0,56%.

De outro lado, houve crescimento de óleo diesel B (2,97%) e biodiesel (8,61%). Nesse segundo caso, o aumento já era esperado. Em setembro do ano passado, a ANP aprovou um aumento do percentual de adição de biodiesel ao óleo diesel.

Segundo o diretor da ANP, Felipe Kury, a expectativa é que a tendência de crescimento se mantenha em 2020 e acompanhe a economia do país. “Se a economia crescer a 2 ou 3%, você terá o reflexo disso na venda de derivadas. Não tenho dúvidas disso. A principal preocupação são os gargalos de infraestrutura. Não é tanto a oferta de produto. Será que a infraestrutura logística suporta um crescimento de 2 a 3%? Será que portos, ferrovias, rodovias estão preparadas para escoar a produção? Essa é uma questão importante, mas acho que o governo está tratando disso com bastante afinco e dedicação”, disse.

Outros produtos

Os dados da ANP também revelaram uma queda na comercialização de gás liquefeito de petróleo (GLP) de 0,3%. Também houve redução, de 2,57%, nas vendas de querosene de avião. A ANP avalia que a suspensão das operações da Avianca no Brasil impactaram nos negócios.

O óleo combustível também sofreu queda de 18,25%. “Saiu de 2,312 bilhões de litros para 1,890 bilhões de litros em função da continuidade do processo de substituição tecnológica por combustíveis mais limpos”, diz a ANP.

Edição: Lílian Beraldo

Comentários Facebook
Continue lendo

Momento Economia

Parceria entre Instituto Êxito e prefeitura vai beneficiar mais de 20 mil alunos

Publicado

source
Parceria entre a Prefeitura do Recife e o Instituto Êxito beneficia alunos e profissionais do Qualifica Recife e dos minicursos do programa Chegando Junto arrow-options
Foto: Irandi Souza/PCR

Parceria entre a Prefeitura do Recife e o Instituto Êxito beneficia alunos e profissionais do Qualifica Recife e dos minicursos do programa Chegando Junto

Uma parceria entre o Instituto Êxito de Empreendedorismo e a Prefeitura do Recife vai beneficiar mais de 20 mil alunos e professores da rede municipal de ensino profissionalizante da capital pernambucana. O convênio foi firmado com o intuito de disponibilizar gratuitamente o acesso a conteúdos digitais na área do empreendedorismo para os profissionais e alunos do programa Qualifica Recife e dos minicursos de qualificação profissional do programa Chegando Junto, promovidos pela gestão municipal.

O anúncio foi feito na manhã da segunda-feira (17) pelo presidente do Instituto Êxito, Janguiê Diniz, ao lado do secretário de Trabalho, Qualificação e Empreendedorismo do Recife, Antônio Júnior e do procurador-geral do município, Rafael Figueiredo. Ao todo, serão beneficiados 5.493 alunos nos cursos profissionalizantes do Qualifica Recife, 17 mil pessoas que participam dos minicursos do programa Chegando Junto e 157 professores dos projetos.

Instituto Êxito firma parceria para beneficiar mais de 600 mil pessoas

Os cursos estarão disponíveis na  plataforma do Instituto Êxito, na internet, a partir do dia 1º de março, de acordo com o secretário Antônio Júnior. Os alunos deverão acessar o site e se cadastrar para navegar no conteúdo disponibilizado.

“O Instituto Êxito é formado pelos maiores empresários do Brasil. Nós, na Prefeitura do Recife, temos vários investimentos na área de qualificação profissional e incentivo ao empreendedorismo. A nossa ideia é unir forças para que nossos alunos e professores tenham acesso cada vez mais a esses conteúdos”, explica o secretário de Trabalho, Qualificação e Empreendedorismo do Recife, Antônio Júnior.

Todos podem: empresários criam instituto para ensinar jovens a empreender

Na plataforma do Instituto Êxito, os cursos online serão direcionados para a área de educação financeira, empreendedorismo e gestão de negócios. Além da capactiação, os alunos que se cadastrarem também poderão interagir com empresários bem sucedidos por meio de mentorias em salas virtuais.

“É uma oportunidade de ouro na vida desses estudantes. Falar com pessoas que construíram uma carreira de sucesso, venceram na vida e possuem uma experiência vasta no ramo do empreendedorismo vai possibilidar o ganho de conhecimento e a troca de ideias”, analisa Antônio Júnior.

Secretário Antônio Júnior ao lado de Janguiê Diniz arrow-options
Foto: Irandi Souza/PCR

Secretário Antônio Júnior ao lado de Janguiê Diniz

De acordo com Janguiê Diniz, a meta do Instituto Êxito é ajudar os jovens a empreender. “O bom empreendedor é ousado, criativo, corajoso e inovador. Ele só terá sucesso se conhecer a si mesmo e identificar suas potencialidades. Temos vídeos motivacionais que são disponibilizados para capacitar as pessoas a serem empreendedores de sucesso e estamos criando um fundo de investimentos para ajudar nosso público”, esclarece Diniz.

Para o secretário, com a velocidade da tecnologia, a tendência é que muitas profissões sejam extintas, mas a capacidade de gerar receita e negócio pode ser uma alternativa aos brasileiros. “Queremos criar a cultura do empreendedorismo e alimentar a vontade nos jovens de se qualificar”, diz. O secretário pontua que a parceria com o Instituto não custou nada aos cofres do município.

“O Êxito vem em um momento importante, a economia do País começa a responder e já que não temos tantos empregos, nós vamos gerar renda a partir do empreendedorismo”, frisa Antônio Júnior. 

O convênio foi firmado até o fim da gestão atual no Recife e os cursos serão atualizados conforme as necessidades. Por enquanto, apenas os alunos da rede de qualificação profissional da cidade poderão ter acesso aos conteúdos. “A nossa ideia é expandir o material para outros alunos em um futuro próximo”, pontua o secretário.

Sobre o Instituto Êxito de Empreendedorismo

O Instituto Êxito de Empreendedorismo foi construído por empreendedores dos mais variados segmentos do Brasil, e que hoje já conta mais com mais de 400 sócios, que compactuam de um mesmo propósito: fazer do empreendedorismo a turbina para alavancar vidas e histórias.

O Êxito tem a filosofia de que, independente da classe social e econômica, qualquer pessoa pode transformar suas ideias em ações que mudem e melhorem a realidade e a comunidade na qual vive. O objetivo é estimular jovens, especialmente os de escolas públicas.

Nomeada como uma instituição internacional e sem fins lucrativos, seu principal plano de ação está em oferecer uma plataforma de cursos online e gratuitos, além de diversas ações voltadas para o fomento ao empreendedorismo.

Comentários Facebook
Continue lendo

Momento MT

Momento Nacional

Momento Esportes

Momento Entretenimento

Mais Lidas da Semana