Mulher

Tchau, flacidez! 4 exercícios físicos para tonificar os braços após os 50 anos

Publicado

Depois que as mulheres passam dos 50 anos, algumas partes do corpo passam a incomodar ainda mais – e os braços estão nessa lista. Isso porque a musculatura, principalmente a do tríceps, que é a parte de trás, fica muito flácida se a pessoa não teve, ao longo dos anos, o hábito de praticar exercícios físicos.

Leia também: Como ter um bumbum lindo depois dos 50? Confira dicas e 5 exercícios físicos

mulher treinando arrow-options
shutterstock
A flacidez aparece ao longo dos anos, mas, com alguns exercícios físicos, é possível mudar esse cenário e ver resultados

“Isso acontece porque o bíceps é um movimento de flexão. Por exemplo, quando você leva o copo a boca, você fortalece esse músculo, ao contrário do tríceps que precisa de um movimento de extensão do braço para ser trabalhado. Além disso, é normal um grande acúmulo de gordura nessa área”, pontua a consultora de saúde Bianca Vilela. 

Para fortalecer o músculo do “tchau”, primeiramente é importante controlar o peso. “Afinal, sabemos que o problema dos braços é junção da flacidez com a gordura. Para isso, atividade aeróbia é indicada. Exercícios físicos de força e fortalecimento são essenciais e complementares”, destaca Bianca, que é Mestre em Fisiologia do Exercício pela UNIFESP.

Leia também: Exercícios físicos após os 50: veja os benefícios e 5 sugestões para testar

4 exercícios físicos para dar tchau para a flacidez

1. Tríceps no banco

Tríceps no banco arrow-options
shutterstock
Exercício 1: Tríceps no banco

Sente-se na beirada do banco, com as palmas das mãos firmemente apoiadas na ponta do assento, com os dedos virados para frente e os cotovelos levemente curvados. Dobre os joelhos em um ângulo de 90°. Mantenha o tronco firme e encaixado, contraia o glúteo, dê uns passos para frente e sustente o peso do corpo. 

Leia mais:  25 kg a menos! Aposentada impressiona e motiva web ao perder peso com 73 anos

Depois disso, abaixe o corpo em frente ao banco, mantendo um ângulo de 90°. Fique nesta posição por alguns segundo e depois volte. Se quiser aumentar a dificuldade, repita o exercício com os joelhos esticados. 

2. Extensão de halteres sob a cabeça

Extensão de halteres sob a cabeça arrow-options
shutterstock
Exercício 2: Extensão de halteres sob a cabeça

Fique em pé com os pés afastados em uma largura paralela aos ombros. Segure um haltere em cada uma das mãos e estenda os braços acima da cabeça, com uma palma da mão encarando a outra. 

Depois, flexione os cotovelos e abaixe os halteres, colocando-os atrás da cabeça, de modo que eles fiquem perpendiculares ao chão. Faça uma pausa, estenda os braços, levando os halteres sob a cabeça e retornando à posição inicial. É fundamental manter os cotovelos próximo a cabeça durante todo o exercício.

3. Tríceps na polia alta com barra reta

Tríceps na polia alta com barra reta arrow-options
shutterstock
Exercício 3: Tríceps na polia alta com barra reta

Prenda uma barra reta ou inclinada a uma polia alta e segure com as palmas das mãos voltadas para baixo. As mãos devem estar paralelas à largura dos ombros. Na posição reta, com uma leve inclinação do tronco para frente, aproxime os antebraços do corpo e deixe-os perpendiculares ao chão.

Leia mais:  Ventilador ou ar condicionado? Prepare-se para o verão com a calculadora

Agora, temos a ação do tríceps: desça a barra até a frente das coxas, estendendo totalmente os braços, exale o ar ao mesmo tempo. Pause por um segundo e depois volte à posição inicial enquanto inala o ar.

4. Supino reto

Supino reto arrow-options
shutterstock
Exercício 4: Supino reto

Deitar de barriga para cima, segurar a barra apoiando-a no pulso  com os braços estendidos. Posteriormente, flexionar os cotovelos descendo a barra até próximo do tórax. Deixe o pulso em cima dos cotovelos e volte para a posição inicial.

Em todos os exercícios, alguns cuidados são necessários. “Deve-se atentar para a postura”, diz Marcus Zanota, profissional de educação física da rede de academias Just Fit. Ainda é importante não forçar os cotovelos. “Percebeu dor na articulação ou na musculatura? Com certeza o exercício está sendo feito de maneira errada”, completa Bianca. 

E os resultados?

Com o envelhecimento, há uma queda na produção de testosterona que na mulher já é baixa. Então, para ter resultados, é preciso combinar alimentação adequada, sono de qualidade e estimular os braços de duas a três vezes por semana, com dedicação aos exercícios físicos de fortalecimento. 

Leia também: Mulher com cabelos brancos vira modelo após os 50: “Estava com muito medo”

“Em um mês, já é possível ter resultado. Em três meses, mais ainda. Eu costumo dizer que grandes mudanças exigem mais tempo de dedicação. Dentro do perfil apresentado podemos dizer que, em um ano, é possível ter grandes resultados”, finaliza Bianca. 

Comentários Facebook
publicidade

Mulher

Bodas de casamento: que tal comemorar montando uma mesa posta temática?

Publicado

source

Já ouviram falar nas Bodas de Casamento ? A palavra boda deriva do latim vota, plural de votum (promessa). Trata-se de uma celebração de aniversário de casamento, geralmente comemorada na data em que foi oficializada a união do casal, ocasião propícia à renovação dos votos matrimoniais.

Leia também: Dicas para receber em casa: como preparar uma noite de pizza

Para cada ano foi convencionado um nome cujo significado representa a estabilidade da união amorosa. E haja criatividade na nomenclatura. Por exemplo, no primeiro ano de casados são celebradas as bodas de papel , no segundo ano, bodas de algodão e, caso o relacionamento do casal chegue aos 100 anos, comemoram-se as bodas de jequitibá .

Muitos casais celebram a data com uma festa, renovação de votos, viagem ou reunião intimista com a família. Já pensou em montar uma mesa posta temática para celebrar a data? Seja um jantar a dois ou uma festinha em família, a mesa pode ser decorada com base no tema das bodas. E a mesa posta, montada com todo carinho, é uma forma linda de dizer, “eu te amo”!

Apaixonada por mesas postas, eu montei propostas temáticas para celebrar as Bodas de Trigo (3 anos), Flores e Frutas (4 anos) e Madeira (5 anos). Celebrei as datas em um jantar intimista para a família. Nas Bodas de Trigo, que representam fartura, prosperidade e alegria, usei o próprio trigo na decoração da mesa.

Mesa posta para comemorar Bodas de Trigo arrow-options
Arquivo pessoal

Na composição da mesa, o trigo foi utilizado como elemento de decoração do arranjo floral e marcador de lugar


Optei por uma paleta de cores suave, com destaque para o rosa nude e as peças em vidro e espelho, em perfeita harmonia. O trigo estava presente no arranjo central da mesa e também fixado no marcador de lugar, para conferir charme e delicadeza.

Leia mais:  25 kg a menos! Aposentada impressiona e motiva web ao perder peso com 73 anos

Nas Bodas de Flores e Frutas , a ideia foi explorar o tema não só na decoração, como no cardápio. O arranjo central foi montado com flores e frutas, em uma paleta de cores super vibrante. O jogo americano foi especialmente confeccionado pela BZ Home, empresa pernambucana que personaliza as estampas à escolha do cliente.

mesa posta para Bodas de Casamento arrow-options
Arquivo pessoal

Os jogos americanos e o arranjo central seguiram a temática de flores e frutas

Para conferir um clima intimista, usei e abusei das velas, tanto as tradicionais como as versões em frutas. No cardápio, a terrine com flores comestíveis fez sucesso. 

Leia também: Guia básico da Mesa Posta: como usar pratos ao montar a mesa

Na celebração das Bodas de Madeira , a “tora” de madeira, queridinha no segmento de decoração, foi usada como sousplat e combinou com as cores terrosas da composição: verde musgo e laranja. Louça branca em formato de folha e talheres com acabamento rústico combinaram com a proposta escolhida.

mesa posta para bodas de madeira arrow-options
Arquivo pessoal

A “torinha” de madeira assumiu o papel de sousplat nesta composição de mesa posta

Quer saber o nome e o significado das suas bodas? Sugiro a leitura do texto da Renata Ribeiro, publicado aqui mesmo no IG Delas . Olha só o que ela explica sobre as primeiras bodas, só para dar uma mostra do que vocês vão encontrar por lá:

Leia mais:  Noiva usa unhas de acrílico com cinzas do pai para ele “levá-la até o altar”

1 ano: Bodas de Papel – O primeiro aniversário de casamento é representado pelas Bodas de Papel. Vale comemorar com um jantar romântico no restaurante favorito do casal.

2 anos: Bodas de Algodão – O algodão é uma fibra macia, confortável. Talvez por isso tenha sido escolhido para representar o conforto após o período de adaptação.

3 anos: Bodas de Trigo ou Couro – O trigo representa fartura e prosperidade. Já o couro é um material nobre que também simboliza fartura e união.

4 anos: Bodas de Flores e Frutas ou Cera – Três elementos: as flores representam cuidado com a relação; frutas indicam vitalidade e a cera maleabilidade.

5 anos: Bodas de Madeira ou Ferro – São as bodas da durabilidade.

6 anos: Bodas de Perfume ou Açúcar – O doce sabor da vida se alia ao aroma de felicidade, e assim o perfume e o açúcar foram escolhidos para marcar os 6 anos de vida a dois.

7 anos: Bodas de Lã ou Latão – Nesta etapa, a união está mais resistente, como a liga metálica, e o casal se sente confortável, tal qual a fibra natural.

8 anos: Bodas de Papoula ou Barro – Os 8 anos são marcados pela papoula, associada ao rejuvenescimento e à fertilidade, e o barro, cuja principal característica é ser maleável.

9 anos: Bodas de Cerâmica ou Vime – A delicadeza e aparente fragilidade do vime se unem à força e estabilidade da cerâmica e simbolizam os 9 anos de união matrimonial.

10 anos: Bodas de Estanho – Conhecido por ser maleável, o estanho indica o que leva uma relação pra frente.

Gostaram da ideia de celebrar as Bodas de Casamento através de mesas postas temáticas? 

Fonte: IG Mulher

Comentários Facebook
Continue lendo

Mulher

Mulher viaja mais de 800 km para perder virgindade com casal

Publicado

source

Gabrielle Reese tinha 18 anos quando viajou mais de 800 km para perder a virgindade em um ménage com Jacob Boswell, 42 anos, e Megan Muihead, 27, que são um casal há 11 anos.

Leia também: “Tenho um marido, um noivo e dois namorados”, diz adepta ao poliamor

homem e duas mulheres arrow-options
Reprodução/Daily Star

Gabrielle Resse tinha 18 anos quando perdeu a virgindade com Jacob Boswell, 42 anos, e Megan Muihead, 27

Segundo informações do “Daily Star” , Gabrielle conheceu Jacob em um site de sugar daddy e após três meses de conversa, comprou uma passagem de avião para conhecê-los e, então, ter a sua primeira relação sexual.   

“Perdi minha virgindade naquele final de semana. Não era um plano, mas estávamos todos interessados e abertos à ideia. Foi tudo emocionante e novo. Nos conectamos muito rápido, havia muita química e estávamos todos envolvidos naquela primeira noite”, fala a jovem que é bissexual e adora homens mais velhos.

Ela ainda comenta que como é bissexual , ter a primeira vez com os dois ao mesmo tempo foi bom para experimentar todos os aspectos da sua sexualidade. “As meninas são macias, delicadas e estimulantes. Enquanto os homens são mais dominadores”, diz.

Leia mais:  Monte um estojo de maquiagem vencedor com apenas R$ 150

“Eu sabia que queria fazer isso. Não acho que poderia ter tido uma experiência melhor para a primeira vez. Foi tão íntimo e perfeito”, continua.

Leia também: Para viajar e ajudar a mãe, modelo leiloa a virgindade por quase R$ 10 milhões

Relacionamento a três

homem e três mulheres arrow-options
Reprodução/Daily Mail

Atualmente os três estão em um relacionamento poliamoroso

Gabrielle conta que quando voltou para casa após a viagem, se viu constantemente lembrando-se dos momentos e mandando mensagens o tempo todo para o casal. Ela ficou cada vez mais interessada em se juntar a eles romanticamente.

Após um tempo, a jovem resolveu encarar o poliamor e hoje os três estão juntos há três anos. Ela relata que embora esteja feliz, não é fácil lidar com o ciúme. “Não é um sentimento que quero ter, por isso é algo que trabalhamos”.

Leia também: Tatuadora vive poliamor e prova que é possível reatar com ex-namorado

“Mas temos uma vida sexual saudável juntos. Em alguns meses fazemos sexo cinco vezes por semana, outro mês uma vez por semana e por aí vai”, fala. Ela diz estar tão feliz sexualmente que pretende passar o resto da vida ao lado de Jacob e Megan. “Não me importo com mais ninguém”.

Leia mais:  Saiba como limpar o micro-ondas corretamente

Jacob reconhece algumas dificuldades do relacionamento a três, mas exalta os lados positivos. “Ser poliamor é um desafio emocional incrível. É mais difícil, mas é incrivelmente gratificante quando dá certo”, comenta.

Fonte: IG Mulher

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Momento MT

Momento Nacional

Momento Esportes

Momento Entretenimento

Mais Lidas da Semana