Momento Cidades

Várzea Grande recebe quarto lote e completa a primeira etapa de vacinação

Publicado


.

07/04/2020    3

A Secretaria Municipal de Saúde de Várzea Grande retoma nesta quarta-feira (08) a campanha de vacinação contra a gripe influenza H1N1. O município recebeu um novo lote contendo 5.370 doses, que estará disponível em todas as unidades de saúde, o que já garante a conclusão da primeira etapa da campanha, que abrange idosos com idade acima de 60 anos e profissionais da Saúde.

Com essa nova leva de vacinas Várzea Grande totaliza 23 mil doses, ou seja, 100% do publico alvo, entre idosos e profissionais da saúde – desta primeira fase da campanha – contra a influenza H1 N1, vacinados.

“É importante que os idosos dessa faixa etária e que ainda não tomaram a vacina que se dirijam a um dos postos de atendimento para que possam ser imunizados. Estamos em um período bastante agitado por conta do caronavírus o Covid-19, por isso é importante que essa parcela da população esteja neste momento, vacinada e imunizada contra a gripe”, alertou o secretario de Saúde, Diogenes Marcondes.

O titular da pasta lembrou que a campanha foi antecipada para ajudar a diferenciar os casos de gripe Influenza do novo coronavírus, para o qual ainda não existe vacina. “A campanha deu início em todo o país no dia 23 de março e segue até o dia 22 de maio. Todos serão vacinados levando em conta cada etapa destinada à vacinação de grupos prioritários”.

De acordo a Técnica Responsável pela Vigilância em Saúde de Várzea Grande, Relva Cristina Silva Moura, todas as cidades brasileiras estão recebendo as vacinas por lotes fracionários por isso mesmo a campanha segue até o dia 22 de maio, prazo previsto para que todos as faixas etárias sejam imunizadas. “Todas as medidas estão sendo tomadas para garantir a vacinação da população da cidade, porém pedimos a colaboração no sentido de não fazer aglomeração nos postos de atendimentos, seguindo as regras de distanciamento social e se possível com o uso de máscaras. Os pontos de vacinação estarão funcionando nos horários das 7h:30m da manhã às 17h, sem intervalo para o almoço”.

Relva Cristina disse ainda que conforme forem chegando as doses a Saúde Pública de Várzea Grande, a campanha atingira os demais grupos prioritários, com a vacinação contra a influenza H1N1, já que diferente de algumas cidades preferiu agilizar as vacinas na medidas em que sejam entregues.

“Manteremos a população informada. Tudo que recebemos nos três primeiros lotes de doses das vacinas foram aplicadas. Os pontos de vacinação estão funcionando inclusive se necessário além do horário que vai das 7:30 às 17;00, sem intervalo para o almoço, lembrando da importância da imunização para podermos fazer frente a pandemia”, disse Relva Cristina.

O Decreto Municipal, de medidas de enfrentamento ao coronavírus, estabelece horário de funcionamento no âmbito da Administração Pública das 8:00 às 12:00, porém não se aplica aos serviços de saúde para a campanha de vacinação, que se dará nos dois horários. Isso é muito importante frisar”, explicou ela.

Os locais de vacinação em Várzea Grande acontecem em 17 unidades de saúde e duas unidades escolares: Confira os locais.

·      Clínica de Atenção Dr. Moacir Dellanes – Jardim Glória;

·      Clínica de Atenção Miguel Baracat – 24 de Dezembro;

·      Clínica de Atenção Arminda Sato (Marajoara);

·      Clínica de Atenção Vitor Marques (Cristo Rei);

·      Clínica de Atenção Dr. Lucilo Freitas (Parque do Lago);

·      ESF Manoel Bernado de Barros (Unipark);

·      ESF Maria Galdina da Silva (Vila Arthur);

·      ESF Margarida Pereira Tavares (Manaira);

·      ESF Maria José Pedrosa (Capão Grande);

·      ESF Binoca Maria da Costa (Manga);

·      ESF Lurico Ferreira de Magalhães (Souza Lima);

·      ESF Celestina Gomes Coelho (Água Vermelha);

·      CS – Laurentino Paulo Serqueira (Água Limpa);

·      CS – Jardim Imperial;

·      CS – Cohab Cristo Rei;

·      CS – Nossa Senhora da Guia;

·      CS Celina Batista Dantas (Ouro Verde);

Duas unidades escolares:

·      CMEI Albella Curvo de Moraes (Bairro Mapim);

·      EMEB – Maria Pedrosa de Miranda (Jardim Petrópolis).

 

Por: Da Redação – Secom/VG

Comentários Facebook
publicidade

Momento Cidades

Prefeitura de Cuiabá vai à Justiça para garantir fiscalização na Santa Casa e Hospital Metropolitano

Publicado


.

A Prefeitura Municipal de Cuiabá irá solicitar à Justiça Estadual para que autorize ao  Município cumpra com uma premissa legal, que é a de fiscalização dos leitos do Hospital Estadual Santa Casa  e do  Hospital Metropolitano, instalado na cidade de Várzea Grande. Na tarde de hoje (01/6), a equipe da Central de Regulação Municipal foi impedida de cumprir com a atividade fiscalizatória.

Independente do período de pandemia do novo Coronavírus, Cuiabá possui contratualização com esses hospitais, o que lhe respalda a adoção da medida. O processo de regulação dos pacientes do Serviço Único de Saúde (SUS) é feito por meio da gestão compartilhada entre Cuiabá (via Central de Regulação) e o Governo de Mato Grosso.

O secretário de Saúde de Cuiabá, Luiz Antônio Possas de Carvalho, pondera que o ato de fiscalização se faz necessário considerando a crescente demanda pela rede na capital.  “A regulação dos pacientes é compartilhada e, sendo assim, não há impeditivo”.

Ele explica que na manhã de hoje –  ao tentar realizar seu trabalho  –  a  equipe foi informada de que necessitaria de uma autorização superior para execução do processo. “A Prefeitura de Cuiabá sempre primou pela transparência das ações e, jamais inventamos leitos ou adotamos medidas que causassem prejuízos àqueles que mais necessitam. Nós recebemos a informação de que tanto na Santa Casa como no Metropolitano faltam leitos. Um dos fatores que nós causou estranheza é a sobrecarga de pacientes do Estado no Hospital Municipal de Cuiabá de casos  não Covid e de positivados no Hospital de Referência, que atende exclusivamente aos pacientes do novo Coronavíurus. Mediante o maior volume nas demandas de nossas unidades de saúde determinei que a fiscalização fosse efetuada”, explica o secretário.

Para resguardar os direitos da população, a Procuradoria do Município já trabalha em uma ação para garantir o cumprimento do que é inerente à gestão compartilhada. “Nosso principal interesse é resguardar o cidadão”, finaliza.

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Momento Cidades

Prefeitura divulga painel de casos de Covid-19 em Cuiabá desta segunda-feira (1º)

Publicado


.

Nesta segunda-feira (1º), Cuiabá tem 795 casos confirmados de residentes no município e 257 de não residentes, mas que estão sendo atendidos na capital. Destes, 216 já estão recuperados da doença e houve 11 óbitos de residentes e 16 de não residentes. Na rede hospitalar há 104 pacientes confirmados com Covid-19 internados, sendo 57 na UTI e 47 em enfermaria. Também estão internados 109 pacientes com suspeita da doença, sendo 45 na UTI e 64 em enfermaria.

O prefeito Emanuel Pinheiro e o secretário municipal de Saúde, Luiz Antonio Pôssas de Carvalho lamentam o óbito confirmado nesta segunda-feira na capital. A vítima era homem, tinha 76 anos e faleceu na segunda-feira (1º) no Hospital de Referência para COVID-19. Ele estava internado no hospital desde 19/05.

Comentários Facebook
Continue lendo

Momento MT

Momento Nacional

Momento Esportes

Momento Entretenimento

Mais Lidas da Semana