Momento Agro

Indea esclarece dúvidas de gestores municipais durante Fórum

Publicados

em

Mais de 100 cidades de Mato Grosso, participaram de um fórum ministrado pela equipe do Instituto de Defesa Agropecuária de Mato Grosso, Indea-MT.
 
Atendimentos relacionados à defesa sanitária animal, vegetal, identificação e cubagem de madeira, produtos e subprodutos de origem animal e vegetal e também sobre as legislações vigentes de defesa agropecuária no Estado, foram temas do fórum.
 
Mais do que uma autarquia fiscalizadora, o Indea disse que visa parceira com o produtor, ao desenvolver ações na área de educação sanitária, de modo a garantir a sanidade dos produtos mato-grossenses.

Leia Também:  FRANGO/CEPEA: Poder de compra frente a insumos de alimentação segue em recuperação
Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

Momento Agro

IPPA/CEPEA: Alta de IPPA se desacelera em maio

Publicados

em


Cepea, 18/06/2021 – De abril para maio, o IPPA/CEPEA (Índice de Preços ao Produtor de Grupos de Produtos Agropecuários) registrou alta de 0,9%, em termos nominais, desacelerando o forte movimento que vinha sendo verificado nos meses anteriores. O resultado do índice geral reflete as variações positivas registradas no IPPA-Grãos, que aumentou 1,2%, e no IPPA-Cana-Café, que subiu 3,9%. Por outro lado, na mesma comparação, o IPPA-Hortifrutícolas recuou 8,3% e o IPPA-Pecuária ficou praticamente estável, com ligeiro avanço de 0,1%. Segundo pesquisadores do Cepea, o desempenho do índice de grãos reflete a variação positiva dos preços nominais do milho, do trigo e do algodão; por outro lado, o índice foi pressionado pela desvalorização do arroz. Para a pecuária, o índice foi influenciado pelos desempenhos dos preços do frango vivo e do leite; no caso do suíno vivo, após quatro meses de quedas consecutivas, tiveram alta modesta em maio, ao passo que o boi gordo se desvalorizou. As altas nominais observadas para os preços do café e da cana-de-açúcar respondem pelo avanço do índice composto por ambos os produtos. Já para os hortifrutícolas, a queda do índice se deve às baixas importantes, em termos nominais, dos preços da uva e da banana e, em menor intensidade, do tomate. Na mesma comparação, o IPA-OG-DI Produtos Industriais, calculado e divulgado pela FGV, teve alta de 3,4% – logo, de abril para maio, os preços agropecuários recuaram frente aos dos industriais da economia. Fonte: Cepea (www.cepea.esalq.usp.br)

Leia Também:  Aprosoja orienta o produtor para boas práticas na compra e uso de fertilizantes
Fonte: CEPEA

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA