Momento +

Polícia civil apura tentativa de homicidio contra um indio de 48 anos atingido por três tiros num quarto de hotel; dois criminosos fugiram

Publicados

em

A Polícia de Querência, em Mato Grosso, iniciou investigação na manhã desta terça-feira(1º), para apurar uma tentativa de homicio registrada na noite desta segunda(31) contra um índio de 48 anos,  baleado dentro de um quarto de hotel.

Após o crime, os dois suspeitos fugiram por rumo ignorado. Um deles estava de bicicleta e o outro em um carro.

Eles ainda não foram identificados. Conforme as informações de testemunhas, suspeito armado chegou no hotel e foi direto ao quarto onde a vítima estava. Lá, ele disparou várias vezes contra o indígena e fugiu.

Quando a polícia chegou, constatou que a vítima estava com 3 ferimentos, sendo um no joelho, outro na coxa e um na cintura. Ambulância da cidade foi acionada e o homem encaminhado para o Hospital Municipal.

A motivação do crime não foi informada pelos policiais, que chegaram após os criminosos fugirem. Um deles estava em uma bicicleta e o outro em um veículo modelo desconhecido. Câmeras do hotel vão ajudar na identificação dos criminosos.

 

Otavio Ventureli(com ascom)

Leia Também:  Com o inicio da primavera nesta terça-feira(22) a expectativa é de que as primeiras chuvas comecem a cair no Estado diminuindo o forte calor

Momento +

Polícia investiga morte de empresário paulista assassinado em Mato Grosso cujo corpo foi encontrado em terreno baldio com várias facadas

Publicados

em

A Polícia Civil da cidade Feliz Natal, municipio de  Mato Grosso,  trabalha como principal a hipótese de latrocínio (roubo seguido de morte) o assassinato do empresário paulista, Wagner Delfino, de 43 anos. O corpo foi encontrado em um terreno baldio, na noite deste domingo (20).

O empresário, que atuava no ramo de compra e venda de terrenos, morava na cidade de Sorocaba (SP) e viajou de carro com dois amigos para Feliz Natal para fazer negócios. Quem matou Wagner Delfino também roubou o carro dele.

Segundo populares que encontraram o corpo de Wagner, por volta das 20h30, em um terreno atrás de uma mecânica, ele apresentava sinais de várias facadas.

De início, ninguém conseguiu reconhecer a vítima, mas, enquanto a ocorrência estava em andamento, dois homens chegaram em um táxi e constataram que se tratava de Wagner, amigo deles.

Na tarde deste  domingo(20), segundo seus amigos de Sorocaba, o empresário saiu para ir ao Rio Arraia e lá conheceu uma mulher de 45 anos e a filha dela, de 13. As duas fizeram vários vídeos no carro da vítima.

Leia Também:  Cinzas de vulcão ativo cancelam treino do Flamengo neste domingo(20) em Guayaquil no Equador em preparativos para o jogo de terça(22)

Eles foram vistos juntos, no final da tarde, no hotel em que o grupo estava hospedado e, depois disso, sumiu e não atendeu mais ao telefone.

Com a ajuda de um taxista, os amigos foram até a casa da testemunha e a encontraram chorando muito, dizendo que “haviam feito mal ao Wagner”.

Aos policiais, ela disse que foi deixada no Bar do Maranhão e que, em seguida, Wagner sumiu. O crime está sendo investigado pela Polícia Civil.  Um homem com apelido de “Cuiabano” seria o suspeito.

O carro do de Wagner ainda não foi localizado.

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA